Perspectivas profissionais para a pessoa com surdez

  • Clecir Maria Cassol Gorck

Resumo

O presente trabalho tem por objetivo exercitar a produção científica por meio dapesquisa permanente do espaço escolar, assumindo um perfil investigativo enquantoprofissional da educação, bem como elaborar e executar uma proposta teórico-metodológicapara pessoas com surdez que frequentam instituições de ensino regular,considerando as especificidades desta deficiência. O estudo enfatizou o procedimentodas análises narrativas, a pedagogia visual e as pesquisas teóricas etnográficas,que possibilitou a reflexão sobre a trajetória das pessoas com surdez na escola deEnsino Regular e perspectivas de inserção no mercado de trabalho ao concluir oEnsino Médio. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas com a família e coma educanda com surdez, que sempre estudou em escola pública. Os dados foramtratados por meio de análise de conteúdo temático, que favoreceu a identificaçãode unidades temáticas ligadas à inserção profissional de surdos no mercado de trabalho:escola, comunicação, trabalho e direitos sociais. Os significados expressos nasentrevistas podem explicar a ancoragem da representação social dos sujeitos sobre ainserção profissional de surdos entre as pessoas que se comunicam majoritariamenteem Língua Portuguesa dominante no ambiente de trabalho, onde parece prevalecera visão clínica da surdez em que o surdo é visto como deficiente. Com este trabalho,fez-se reflexões importantes acerca da violência simbólica e física a que os surdos foramsujeitados. Trouxe o papel da família, da escola, das terapias e da sociedade paraum campo reflexivo de sua participação na vida dos sujeitos e das as culturas surdas.Palavras-chave: Surdez. Escola. Inserção profissional. Direitos sociais. Família.Comunicação.
Publicado
24-07-2013
Seção
Artigos