EFEITO DA ADIÇÃO DE PRÓPOLIS VERDE NA DIETA DE FRANGOS DE CORTE SOBRE O APROVEITAMENTO DA ENERGIA METABOLIZÁVEL E PARÂMETROS HEMATOLÓGICOS

Autores

  • Tiago Goulart Petrolli Universidade do Oeste de Santa Catarina - UNOESC
  • Osmar José Petrolli
  • Renato Fernando Paludo
  • Eduardo Giachini

Resumo

O conhecimento sobre a qualidade nutricional dos alimentos utilizados nas dietas para frangos de corte é de grande relevância considerando o emprego da nutrição de precisão. Mundialmente, a indústria de frangos de corte é uma das atividades que mais se destacam na receptividade de adoção de tecnologias visando a eficiência de produção de alimentos. Neste estudo, objetivou-se determinar a energia metabolizável de rações para frangos de corte, contendo níveis crescentes do resíduo do extrato de própolis verde sobre a energia metabolizável e parâmetros hematológicos. Utilizaram-se 24 frangos de corte da linhagem COBB, com 14 a 24 dias de idade, alojados em baterias metálicas, distribuídos em delineamento inteiramente casualizado, com quatro tratamentos e cinco repetições de duas aves por unidade experimental. Foi utilizada a metodologia de coleta total de excretas; elas eram coletas duas vezes ao dia, armazenadas em plásticos e condicionadas em freezer até o final do experimento. Os tratamentos foram: T1 – sem resíduo de própolis verde; T2 – 1% de resíduo de própolis verde; T3 – 2% de resíduo de própolis verde; T4 – 3% de resíduo de própolis verde. Para avaliação da composição química das excretas, foram determinados os valores de energia metabolizável aparente (EMA) e aparente corrigida pelo balanço de nitrogênio (EMAn). Aos 24 dias de idade foram coletadas amostras de sangue para análise do número de eritrócitos, hemoglobina, hematócrito, volume corpuscular médio e concentração média de hemoglobina corpuscular. Observou-se que a EMA e a EMAn diminuíram de acordo com o aumento da inclusão de própolis na dieta, não havendo alterações nos parâmetros hematológicos. Concluiu-se que o resíduo do extrato de própolis verde utilizado na dieta para frangos de corte piora o aproveitamento da energia metabolizável da ração, não exercendo influência sobre os parâmetros hematológicos.

Palavras-chave: Avicultura. Flavonoides. Substituto a antibióticos.

Biografia do Autor

Tiago Goulart Petrolli, Universidade do Oeste de Santa Catarina - UNOESC

Docente e pesquisador dos cursos de Zootecnia e medicina veterinária - UNOESC Xanxerê

Downloads

Publicado

08-09-2015

Como Citar

Goulart Petrolli, T., Petrolli, O. J., Paludo, R. F., & Giachini, E. (2015). EFEITO DA ADIÇÃO DE PRÓPOLIS VERDE NA DIETA DE FRANGOS DE CORTE SOBRE O APROVEITAMENTO DA ENERGIA METABOLIZÁVEL E PARÂMETROS HEMATOLÓGICOS. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/8291

Edição

Seção

Xanxerê - Pesquisa