PERFIL SOCIODEMOGRÁFICO E CLÍNICO DE UM SERVIÇO DE ATENDIMENTO PSICOLÓGICO DA REGIÃO OESTE DE SANTA CATARINA

Autores

  • Fernanda da Cruz Bertan Unoesc
  • Morgana Orso dos Santos
  • Kelin Francisca Dias

Resumo

Serviço de Atendimento Psicológico (SAP) da Unoesc Chapecó apresenta estrutura física, com característica eminentemente social, com o compromisso de desenvolver projetos que busquem atender à população do município. Os serviços-escolas caracterizam-se como espaços apropriados que aliam a formação profissional e a consolidação das competências propostas pelas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCNs) por meio da prestação de serviço à comunidade. Assim, cabe ao SAP desenvolver projetos que atendam às necessidades e demandas da comunidade na qual será implantado, que podem ser desenvolvidas internamente ou externamente. No SAP da Unoesc Chapecó nesse momento são desenvolvidas as seguintes atividades: atendimento clínico individual para as diferentes etapas do desenvolvimento humano, atendimento de casal e família, orientação profissional e de carreira e avaliação psicológica. A partir da consolidação desses projetos, novas propostas podem ser desenvolvidas, considerando as necessidades específicas do serviço, ou até mesmo novas propostas de atuação e intervenção na comunidade. Desde a sua implantação, foi desenvolvido um banco de dados do serviço, no qual se realizou levantamento das características em relação ao sexo e à faixa etária de idade, com o objetivo de caracterizar a população atendida, para melhor conhecê-la e posteriormente propor o desenvolvimento de atividades no serviço com um caráter mais efetivo. Foram analisadas as inscrições realizadas no SAP no período de janeiro de 2013 a dezembro de 2014. Os resultados demonstraram um total de 498 inscrições, distribuídas nos seguintes públicos: 258 inscrições para o público adulto (acima de 18 anos), sendo 200 mulheres e 58 homens; 109 crianças (entre 2 e 12 anos), 63 meninas e 46 meninos; 87 adolescentes (entre 13 e 17 anos), 63 meninas e 24 meninos; 19 famílias; 18 casais; 5 inscrições para orientação profissional (entre 14 e 18 anos) e 2 para a avaliação psicológica (entre 4 e 10 anos). Percebeu-se predominância do sexo feminino de modo geral nos atendimentos individuais, principalmente nas faixas etárias acima de 18 anos e entre 13 e 17 anos. Nos atendimentos de famílias e de casal, percebeu-se grande procura por parte dessa população. Os atendimentos realizados nas atividades de orientação profissional e avaliação psicológica representaram pouca procura nesse período, por serem propostas novas implantadas no segundo semestre do período analisado. Conclui-se que a análise do perfil de inscrições para atendimentos no SAP se torna relevante para o conhecimento do perfil populacional e clínico atendido nesse serviço, e também para a consolidação na comunidade. Permite-se também o desenvolvimento de outras propostas de atividades de intervenção com a comunidade, além de contribuir com os serviços de saúde mental existentes no município e no processo de aprendizagem dos alunos com propostas atualizadas e inovadoras.

Palavras-chave: Serviços de Psicologia. Atendimentos psicológicos. Estágio supervisionado.

Biografia do Autor

Fernanda da Cruz Bertan, Unoesc

Curso de Psicologia

Área das Cirências da Saúde

Downloads

Publicado

08-09-2015

Como Citar

da Cruz Bertan, F., Orso dos Santos, M., & Dias, K. F. (2015). PERFIL SOCIODEMOGRÁFICO E CLÍNICO DE UM SERVIÇO DE ATENDIMENTO PSICOLÓGICO DA REGIÃO OESTE DE SANTA CATARINA. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/8265

Edição

Seção

Chapecó - Ensino