INDÍCE DE MASSA CORPORAL DA EQUIPE SUB-15 DA ASSOCIAÇÃO CHAPECOENCE DE FUTEBOL

Autores

  • Patrick Zawadzki Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Suani Figueira Acadêmica do Curso de Educação Física, da Unoesc, Campus Chapecó
  • Daniela Zanini
  • Carlos Almeida
  • Marcos Antonio Cezar
  • Natali Sirino
  • Iully Anne Lermen Colossi
  • Vinicius Leal
  • Fernanda Souza
  • Dirceu Barp
  • Cleisa Gazola
  • Maicon Rech

Resumo

A preparação física no futebol evoluiu muito nas últimas décadas, com isso, tornou-se importante à melhora da performance do futebolista e ao sucesso das equipes nas competições. A avaliação da composição corporal é parte importante no condicionamento físico do futebolista, já que a gordura corporal elevada representa um desgaste maior para seus deslocamentos e ações, e as relações obtidas entre a distribuição de massas podem indicar aos treinadores quais tipos de estímulos podem ser mais indicados para cada atleta. O objetivo com este estudo foi identificar o índice de massa corporal de futebolistas da equipe sub-15 da Associação Chapecoense de Futebol. Participaram deste estudo 25 futebolistas do sexo masculino. Foram realizadas as medidas antropométricas de peso e estatura para determinar o índice de massa corporal (IMC) de cada indivíduo. Os resultados demonstram que a média geral do IMC da equipe sub-15 da Associação Chapecoense de Futebol é 21±1,6 kg/m², valor mínimo de 17,3 kg/m² e máximo de 24,3 kg/m². A amostra de futebolistas obteve a classificação considerada normal, entretanto, atletas com categorias de peso acima do normal foram identificados, o que aponta o IMC ainda como um instrumento útil para levantar informações para os treinadores quando estes não dispõem de recursos para uma avaliação precisa. Feito que torna esse recurso um elemento essencial para a prescrição do treinamento físico do futebol na juventude, e pode ser potencializado quando há a realização de uma avaliação prévia, que seja atualizada periodicamente, com o objetivo de identificar as características que determinam o crescimento, a composição corporal e o desempenho motor dentro daquelas valências físicas mais desejadas para o esporte concreto.

Palavras-chave: Composição corporal. Índice de massa corporal. Futebolistas. Categoria de base.

 

Biografia do Autor

Patrick Zawadzki, Universidade do Oeste de Santa Catarina

Doutorando em Educaçao Física, Atividade Física e Esporte pela Universidade de Barcelona.

Professor da UNOESC-Chapecó.

Suani Figueira, Acadêmica do Curso de Educação Física, da Unoesc, Campus Chapecó

Licenciada em Educação Física, pela Unoesc. Membor do grupo de pesquisa do Curso de Educação Física, da Unoesc, Campus Chapecó.

Downloads

Publicado

08-09-2015

Como Citar

Zawadzki, P., Figueira, S., Zanini, D., Almeida, C., Cezar, M. A., Sirino, N., Lermen Colossi, I. A., Leal, V., Souza, F., Barp, D., Gazola, C., & Rech, M. (2015). INDÍCE DE MASSA CORPORAL DA EQUIPE SUB-15 DA ASSOCIAÇÃO CHAPECOENCE DE FUTEBOL. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/8242

Edição

Seção

Chapecó - Extensão