OCEANÁRIO DE FLORIPA: UMA CONTRIBUIÇÃO PELA VIDA

Autores

  • Anderson Saccol Ferreira UNOESC
  • Guilherme Pontes Bacharel em Arquitetura e Urbanismo. Egresso do curso de Arquitetura e Urbanismo, UNOESC

Resumo

Com o intuito de apresentar uma configuração moderna aos aquários, a proposta deste estudo revela conceber um espaço mais atraente e convidativo de interesse, visitação e pesquisas da vida aquática, sendo ainda mais enfático ao mencionar a vida oceânica. A escolha da proposta volta-se a um oceanário, mais especificamente em um contexto litorâneo, na Barra da Lagoa em Florianópolis, SC. Com este estudo, buscou-se originar possibilidades construtivas em um espaço litorâneo, próximo às instalações do Projeto Tamar, intencionando contribuir expansivamente com os preceitos e objetivos do Instituto Chico Mendes (ICMBio), ao examinar as influências do perfil caiçara sobre a paisagem urbana e relacionar diretamente a proposta arquitetônica e urbanística ao espaço físico em estudo. Para isso, foram idealizados métodos de buscas por informações constituídas de aportes teóricos bibliográficos, como análise de legislação vigente, estudos de caso e históricos de preservação local. Realizaram-se visitas técnicas à região, avaliando as condicionantes físicas e naturais do espaço e o fluxo das vias e diagnosticando o entorno imediato, garimpando dados para a elaboração do estudo preliminar, como estudos de manchas, tabelas, gráficos, representação gráfica, como croquis, programa de necessidades e pré-dimensionamento; em seguida, criou-se o anteprojeto, composto por desenhos técnicos e humanizados. Diante disso e interligando os dados obtidos, originou-se o anteprojeto do Oceanário de Florianópolis, possibilitando identificar as potencialidades que o edifício poderá proporcionar, ao imaginá-lo parte integrante do meio físico e ambiental. Esta será uma edificação idealizada a se tornar sustentável na escolha de materiais, procedimentos e elementos construtivos, sistemas de uso e reuso de águas pluviais, sistemas eficientes de geração e consumo de energia elétrica, otimização da disposição lumínica zenital e ventilação cruzada e induzida pela aerodinâmica. Com isso, analiticamente ao comportamento do edifício, sua funcionalidade, estética, intervenções no meio urbano, entre outros elementos foram essenciais para o desenvolvimento da proposta arquitetônica. Contudo, as relações estreitas que o anteprojeto arquitetônico do Oceanário de Florianópolis exibe, com os termos preventivo, preservativo e educacional, são justificadas.

 

Palavras-chave: Oceanário. Arquitetura. Vida oceânica.

Downloads

Publicado

08-09-2015

Como Citar

Saccol Ferreira, A., & Pontes, G. (2015). OCEANÁRIO DE FLORIPA: UMA CONTRIBUIÇÃO PELA VIDA. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/8204

Edição

Seção

Xanxerê - Ensino