AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO NUTRICIONAL DA ERVA-MATE COM DIFERENTES FORMAS DE ADUBAÇÃO

Autores

  • Mauricio Vicente Alves Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Gilvane Zottis

Resumo

A cultura da erva-mate (Ilex paraguariensis St. Hil.) é de grande importância para os produtores da região Oeste do Estado de Santa Catarina, sendo para alguns uma das principais fontes de renda. O objetivo neste estudo foi verificar a resposta da erva-mate à adubação orgânica. O experimento foi implantado na localidade da Linha Campo, Município de Xaxim, SC, com os seguintes tratamentos: C1: cama de aviário na dose de 2,5 kg/planta; C2: cama de aviário na dose de 4 kg/planta; S1: dejeto líquido de suínos na dose de 20L/planta; S2: dejeto líquido de suíno na dose de 30L/planta; U1: ureia 82 g/planta, superfosfato triplo 32 g/planta, cloreto de potássio 83 g/planta; U2: ureia 122 g/planta, superfosfato triplo 32 g/planta, cloreto de potássio 127 g/planta; OR: cama de aviário 0,5 kg/planta; ureia 107 g/planta; cloreto de potássio 83 g/planta; T: testemunha, sem adubação. Foram realizadas análises foliares dos seguintes nutrientes: N, P, K, Na, Ca, Mg, Mn, Cu e Zn (EMBRAPA, 2009). Os dados obtidos foram submetidos à análise de variância no Software estatístico R. A partir dos dados analisados se observou que os resultados para os teores dos nutrientes presentes nas folhas não tiveram diferenças significativas a não ser o de nitrogênio (N). O N teve uma diferença significativa nos meses de novembro de 2014, nos tratamentos C1, C2, S1, S2, T e U2, nos quais o teor de N foi maior do que nos tratamentos OR e U1. Na coleta de janeiro de 2015, os tratamentos C1, C2 e o T tiveram teor de N inferior aos demais tratamentos e nas demais coletas o teor nas folhas não demonstrou diferença significativa. Os resultados obtidos permitem concluir que os teores dos nutrientes nas folhas da erva-mate não tiveram variações significativas quanto à aplicação das diferentes formas de adubação.

Palavras-chave: Ilex paraguariensis St. Hil. Adubação orgânica. Adubação mineral. Teor de nutrientes nas folhas.

Downloads

Publicado

08-09-2015

Como Citar

Alves, M. V., & Zottis, G. (2015). AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO NUTRICIONAL DA ERVA-MATE COM DIFERENTES FORMAS DE ADUBAÇÃO. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/7989

Edição

Seção

PIBIC- CNPq