ANÁLISE DA VIABILIDADE MERCADOLÓGICA DA EXPORTAÇÃO DO CAFÉ ESSENZA PRODUZIDO PELA EMPRESA BRASITÁLIA PARA OS ESTADOS UNIDOS

Autores

  • Daiane Pavan Universidade do Oeste de Santa Catarina - Unoesc
  • Débora Tonetti Universidade do Oeste de Santa Catarina - Unoesc

Resumo

O comércio exterior é definido como o conjunto de operações realizadas entre países por meio da troca de bens e serviços ou movimento de capitais. O estudo do mercado para as empresas atuarem no comércio exterior é de extrema importância, pois faz com que o empresário ou gerente se preocupe em entender como funcionam os mercados para os quais exporta ou pretende exportar seus produtos. A partir da relevância econômica do comércio exterior para as organizações, objetivou-se com esta pesquisa analisar a viabilidade mercadológica da exportação do café Essenza, produzido pela empresa Brasitália, para os Estados Unidos (EUA). O trabalho se caracteriza como uma pesquisa descritiva, sendo um estudo de caso, de abordagem qualitativa, tendo como instrumento de coleta de dados primários as consultas bibliográficas, e como dados secundários, a empresa Brasitália. Para análise de dados utilizou-se o método descritivo, destacando com clareza os aspectos relacionados à viabilidade da exportação de café para os Estados Unidos. Quanto à descrição do perfil do mercado e do segmento nacional e internacional do café, os Estados Unidos são considerados o maior mercado mundial para cafés, pois é uma bebida altamente popular, consumida regularmente por cerca de 83% da população americana. O Brasil é o maior produtor mundial de café verde, respondendo por um terço da produção do mundo, portanto, o café é um dos principais segmentos exportados pelo País no que diz respeito às commodities agrícolas. Ao examinar aspectos culturais, demográficos, ambientais, políticos e econômicos que influenciam na exportação desse produto para os Estados Unidos, observa-se que o hábito de tomar café pelas manhãs está fortemente ligado à cultura norte-americana e foi desenvolvido na cultura Árabe. Quanto aos aspectos demográficos, destaca-se essa caracterização como o estudo da população, densidade, localização e outros dados estatísticos. Nos Estados Unidos, sua população é a terceira maior do mundo, com mais de 316 milhões de pessoas, e o País se caracteriza como um importante consumidor de alimentos, bebidas e produtos do agronegócio. Na análise ambiental, pode-se perceber que o clima nos Estados Unidos não é favorável para a produção do café, pois apesar de o clima ser principalmente temperado, no inverno chega a fazer 3 °C negativos, e o café não resiste a essa temperatura. Os aspectos políticos nos Estados Unidos são pluripartidários e o regime é praticamente bipartidário, com predominância dos partidos Democrata e Republicano. Já nos aspectos econômicos, os Estados Unidos têm a maior economia do mundo, destacando-se nos diversos setores econômicos. Finalmente, buscou-se demonstrar as alternativas viáveis de exportação do café Essenza para a empresa Brasitália, sendo: expor seu produto de qualidade no mercado externo e efetivar parcerias com empresas que já exportam café para os Estados Unidos, visando à obtenção de vantagens comerciais e competitividade.

Palavras-chave: Exportação. Café. Viabilidade mercadológica.

Biografia do Autor

Daiane Pavan, Universidade do Oeste de Santa Catarina - Unoesc

Área do conhecimento: Ciências das Humanidades.

Downloads

Publicado

08-09-2015

Como Citar

Pavan, D., & Tonetti, D. (2015). ANÁLISE DA VIABILIDADE MERCADOLÓGICA DA EXPORTAÇÃO DO CAFÉ ESSENZA PRODUZIDO PELA EMPRESA BRASITÁLIA PARA OS ESTADOS UNIDOS. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/7719

Edição

Seção

Chapecó - Ensino