RELATO DE EXPERIÊNCIA: O ASSÉDIO MORAL NO TRABALHO NA VISÃO DE ACADÊMICOS DO CURSO DE DIREITO

Autores

  • Michele Gaboardi Lucas UNOESC
  • Raquel Romano UNOESC

Resumo

O fenômeno assédio moral nas relações de trabalho é caracterizado por condutas frias e repetitivas, que têm por objetivo desqualificar, humilhar e abalar psiquicamente um indivíduo, podendo causar sérias conseqüências nas relações interpessoais e no desenvolvimento das atividades no trabalho. Assim, verifica-se que há a necessidade cada vez maior de profissionais e de órgãos legais que possam estar auxiliando e orientando esses indivíduos vítimas dessa agressão, que causa sofrimento no ambiente de trabalho, a lutarem por seus direitos de uma vida mais digna e saudável. Com base nesses pressupostos, objetivou-se com o presente estudo verificar como os acadêmicos que cursam entre a quinta e a décima fase do Curso de Direito da Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc) de Xanxerê entendem o fenômeno assédio moral nas relações de trabalho, bem como examinar como os acadêmicos vinculados ao Curso de Direito conceituam o assédio moral e apontar, no entendimento desses acadêmicos, qual é o motivo da ocorrência desse fenômeno e descrever quais seriam as possíveis soluções para ele. A presente pesquisa utilizou o método quantitativo, com delineamento descritivo. O instrumento de coleta de dados foi um questionário. A coleta e análise de dados foram realizadas durante o segundo semestre do corrente ano.

Palavras-chave: Assédio moral. Visão dos acadêmicos.

Biografia do Autor

Michele Gaboardi Lucas, UNOESC

Psicóloga, professora no curso de Psicologia UNOESC Xanxerê. Mestranda no curso de Mestrado Profissional de Administração.

Raquel Romano, UNOESC

Acadêmica do curso de Psicologia UNOESC Xanxerê.

Downloads

Publicado

29-08-2014

Como Citar

Lucas, M. G., & Romano, R. (2014). RELATO DE EXPERIÊNCIA: O ASSÉDIO MORAL NO TRABALHO NA VISÃO DE ACADÊMICOS DO CURSO DE DIREITO. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão, 459. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/5751

Edição

Seção

Xanxerê - Pesquisa