POSSIBILIDADES DO ENSINO-APRENDIZAGEM DOS ALUNOS COM DEFICIÊNCIAS

Autores

  • Dirlei Weber Rosa Unoesc
  • Eliane Aparecida Marin
  • Cassia Carlesso
  • Isaura Aparecida Ramos Dalcanalle

Resumo

A iniciativa em pesquisar acerca do tema “Possibilidades do Ensino-aprendizagem dos alunos com Deficiências” ocorreu a partir do momento em que se decidiu cursar graduação em Educação Especial, mais precisamente em descobrir por que alunos que gozam de saúde física apresentam dificuldades significativas na aprendizagem. Assim, percebeu-se a dificuldade destes em relação à sua inclusão no ensino regular, com o objetivo de discutir a inclusão de alunos com deficiência no ensino regular e refletir sobre o papel da Educação Especial como sistema de suporte e recursos especializados. A problemática que envolveu a pesquisa recaiu sobre como trabalhar nas salas regula­res para que o aluno com deficiência cognitiva moderada se apropriasse dos conteúdos repassados pelos professores. Mesmo sem encontrar todas as respostas que o tema pudesse envolver, nem apresentar receitas prontas, sabe-se que o sucesso delas depende não somente de trabalhar as deficiências, mas de suscitar novas inquietações que estimulem a busca de ações, para todos os professores, especialistas, ou não, direcionados à contribuição efetiva do sucesso desses alunos, que apresentam deficiência cognitiva. Depois de realizada a entrevista com os gestores, os professores e os familiares para a análise e a elaboração da descrição dos dados coletados e da análise do PPP da referida escola, observaram-se cuidadosamente vários aspectos: princípios norteadores, papel da escola, papel do professor, metodologia de ensino, avaliação, entre outros. Dessa forma, ressalta-se que a escola ainda não está preparada para trabalhar com a diversidade e que a Especial caminha a passos lentos, requerendo aprimoramento de muitas ações para que de fato ela seja inclusionária. Sabe-se que existe uma Legislação para assegurar os direitos da pessoa com deficiência e que cabe às escolas se atualizarem. A inclusão escolar exige que a comunidade educativa desenvolva um olhar diferenciado sobre seus educandos, reconhecendo e valorizando as diferenças mediante um convívio baseado na aceitação e nos direitos iguais para todos. Discutir a universalização da educação, o direito de todos à cidadania e, coerentemente, lutar pelo princípio da inclusão do aluno com deficiência intelectual no ensino regular é um desafio político que exige mudanças na práxis pedagógica e no contexto escolar social. Por intermédio dos resultados, para uma aprendizagem significativa, é necessário desenvolver programas de formação continuada que qualifiquem os professores para trabalharem na Educação inclusiva.

Palavras-chave: Deficiência. Escola. Inclusão. Educando.

Biografia do Autor

Dirlei Weber Rosa, Unoesc

Professora de Prática e Estágio do Curso de Educação Especial/PARFOR

Downloads

Publicado

2014-09-04

Como Citar

Rosa, D. W., Marin, E. A., Carlesso, C., & Dalcanalle, I. A. R. (2014). POSSIBILIDADES DO ENSINO-APRENDIZAGEM DOS ALUNOS COM DEFICIÊNCIAS. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão, 156. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/5747

Edição

Seção

Joaçaba - Ensino