MÁXIMA EFICIÊNCIA TÉCNICA E ECONÔMICA DO RENDIMENTO DO MILHO (Zea mays L.) EM FUNÇÃO DE APLICAÇÕES E PRINCÍPIOS ATIVOS DE FUNGICIDAS

Autores

  • Cristiano Reschke Lajú
  • Fernando Reis
  • Jerônimo Luís Schmitt
  • Zequiel Ludwig

Resumo

Nos últimos anos, no Brasil, tem sido proporcionada uma especial atenção ao uso de fungicidas para o manejo de doenças foliares na cultura do milho. Diante da relevância de estudos nessa área, realizou-se, no 9º período do Curso de Agronomia, um experimento com o objetivo de analisar a viabilidade técnica e econômica da aplicação de diferentes princípios ativos e número de aplicações de fungicidas na ontogenia da cultura do milho. Fez-se, para isso, um experimento para avaliação do efeito da aplicação de fungicidas no rendimento da cultura do milho, em uma propriedade localizada no interior do Município de Guaraciaba,
Extremo Oeste de Santa Catarina. Realizou-se o delineamento de blocos casualizados (DBC); foram realizadas três aplicações de diferentes princípios ativos (qualitativo), três aplicações de cada princípio ativo (quantitativo) e três repetições de cada tratamento. As variáveis respostas avaliadas foram: número de grãos por espiga, peso de mil grãos, quilo por hectare e viabilidade econômica. Os dados coletados foram submetidos à análise de variância (ANOVA); para o fator tipos de princípios ativos foi realizado o teste de Tukey (P≤0,05) e, para o fator número de aplicações, foi realizada a análise de regressão. Em relação às variáveis avaliadas, não houve diferenças significativas para o fator diferentes princípios ativos em todas as variáveis. No fator número de aplicações, houve diferenças significativas apenas para o fator número de grãos por espiga. Apesar de não haver diferenças significativas para a variável rendimento, destaca-se que foi possível visualizar viabilidade econômica nas aplicações de fungicidas.

Palavras-chave: Milho. Fungicidas. Viabilidade Técnica. Viabilidade Econômica.

Downloads

Publicado

29-08-2014

Como Citar

Lajú, C. R., Reis, F., Schmitt, J. L., & Ludwig, Z. (2014). MÁXIMA EFICIÊNCIA TÉCNICA E ECONÔMICA DO RENDIMENTO DO MILHO (Zea mays L.) EM FUNÇÃO DE APLICAÇÕES E PRINCÍPIOS ATIVOS DE FUNGICIDAS. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão, 261. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/5690

Edição

Seção

São Miguel do Oeste - Ensino