CONSUMO DE BEBIDAS ALCOÓLICAS ENTRE ESTUDANTES DE MEDICINA: EXPECTATIVAS E CRENÇAS PESSOAIS

Autores

  • Ana Patrícia Alvez Vieira Parizotto UNOESC
  • Mariza Koffermann

Resumo

                        

               

O consumo de drogas tem aumentado consideravelmente no país nos últimos anos. O álcool é uma droga lícita que se tornou um problema de saúde pública. Entre estudantes universitários, sobretudo na área da saúde, o consumo de álcool torna-se, por vezes, abusivo e até mesmo dependente. Compreender as crenças e as expectativas envolvidas no consumo de álcool auxilia no entendimento da vulnerabilidade ao consumo e possível dependência que envolve o consumo de álcool entre universitários. Desse modo, foi utilizado, neste estudo, os instrumentos IECPA e AUDIT que visam avaliar quais as expectativas e as crenças envolvidas no consumo de bebidas alcoólicas, bem como avaliar o padrão de consumo de bebidas alcoólicas. Os resultados da pesquisa apontam que o padrão de consumo de bebidas alcoólicas considerado de risco pelos instrumentos é significativo. Por isso, evidenciou-se a necessidade da implementação de estratégias de prevenção ao consumo abusivo de bebidas alcoólicas entre os acadêmicos do Curso de Medicina.

Palavras-chave: Consumo de álcool. População universitária. Expectativas e crenças.

                            

Downloads

Publicado

04-09-2014

Como Citar

Parizotto, A. P. A. V., & Koffermann, M. (2014). CONSUMO DE BEBIDAS ALCOÓLICAS ENTRE ESTUDANTES DE MEDICINA: EXPECTATIVAS E CRENÇAS PESSOAIS. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão, 186. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/5580

Edição

Seção

Joaçaba - Pesquisa