PERFIL EPIDEMIOLÓGICO DA TUBERCULOSE NO MEIO OESTE CATARINENSE NO PERÍODO ENTRE 2002 E 2012

Autores

  • Jéssica Manfroi Universidade do Oeste de Santa Catarina

Resumo

A tuberculose está entre as principais doenças infectocontagiosas no mundo e representa hoje um grave problema de saúde pública nos países em desenvolvimento e subdesenvolvidos, além de ser considerada uma doença reemergente nos países desenvolvidos. O Brasil ocupa o 16º lugar no ranking dos 22 países com maior prevalência de tuberculose no mundo. Apesar de ser uma doença curável e com possibilidade de prevenção, o controle da tuberculose ainda é um desafio. O estudo realizado é uma pesquisa descritiva e documental com abordagem quanti/qualitativa, cujo objetivo foi traçar o perfil epidemiológico da tuberculose do Meio Oeste catarinense entre o período de 2002 até 2012. Os dados foram coletados por meio do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan) referentes a esse período, e abrangendo as cidades que pertencem à Segunda Regional de Saúde em Videira, à Terceira Regional de Saúde em Concórdia e à Sétima Regional de Saúde em Joaçaba. Neste trabalho foi possível analisar 998 casos de tuberculose nos indivíduos residentes na região Meio Oeste, que abrange as três regionais de saúde supracitadas, e 22.044 casos de tuberculose em toda Santa Catarina nesse mesmo período. Os resultados encontrados revelam que os pacientes acometidos pela enfermidade são predominantemente do gênero masculino, na faixa etária entre 20 e 39 anos e apresentam tuberculose pulmonar. Em grande parte dos casos, não se observou coinfecção tuberculose/HIV. A maioria dos casos obteve a cura, e quanto ao tipo de entrada, a maioria trata-se de casos novos. As análises realizadas poderão nortear políticas públicas de saúde e promover ações direcionadas às características da tuberculose nessa região. O controle da tuberculose depende tanto da melhoria das condições socioeconômicas quanto da reestruturação dos serviços de saúde.

Palavras-chave: Tuberculose. Perfil de saúde. Mycobacterium tuberculosis. Epidemiologia.

 

Biografia do Autor

Jéssica Manfroi, Universidade do Oeste de Santa Catarina

Acadêmica de Medicina

Downloads

Publicado

04-09-2014

Como Citar

Manfroi, J. (2014). PERFIL EPIDEMIOLÓGICO DA TUBERCULOSE NO MEIO OESTE CATARINENSE NO PERÍODO ENTRE 2002 E 2012. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão, 154. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/5418

Edição

Seção

Joaçaba - Ensino