AVALIAÇÃO DO MÉTODO DE ENSAIO DE DUREZA EM FERRO FUNDIDO CINZENTO ABNT FC 300

Autores

  • Ricardo Bilibio UNOESC- Joaçaba
  • Sérgio Luis Marquezi UNOESC

Resumo

O presente trabalho foi desenvolvido com base nas atividades de estágio supervisionado realizado em uma Empresa Metalúrgica de Fundição. O processo de fundição é um método de fabricação utilizado para formar uma peça semi acabada, onde o custo de produção e de processamento deve ser baixo, além de obter repetitividade em formas mais complexas. O ferro fundido cinzento ABNT FC 300 possui propriedades mecânicas que se destacam principalmente pela elevada dureza e resistência à tração, entretanto, quando se tem uma produção variada de composições químicas diferentes, algumas variáveis são difíceis de serem controladas. Foi constatado que os ensaios de dureza realizados na Empresa e no seu cliente apresentavam uma discrepância de resultados, o que demonstra uma incerteza sobre os resultados reais obtidos no ensaio.  Este estudo visou analisar e verificar a eficácia dos ensaios realizados na medição da dureza aplicada ao ferro fundido cinzento ABNT FC 300, bem como verificar se o método utilizado estava de acordo com os parâmetros estabelecidos em normas técnicas de ensaios. Para saber o motivo dessa variação de resultados, inicialmente foi realizado um estudo para avaliar as propriedades mecânicas e os resultados obtidos pelas duas empresas, comparando o método de medição de dureza utilizado como os métodos especificados na norma. Diante disso, foi realizada uma revisão bibliográfica sobre as propriedades físicas, químicas e mecânicas dos ferros fundidos e os métodos de comprovação das propriedades mecânicas segundo normas da ABNT. A metodologia empregada foi utilizada com base nas nessas normas e pela comparação entre as propriedades mecânicas obtidas no ensaio de tração com o ensaio de dureza realizados na Empresa e no cliente. Pôde-se avaliar a influência que o procedimento de medição do ensaio de dureza tem no resultado das propriedades dos materiais, a relevância do estudo das normas vigentes e a necessidade da comunicação com o cliente, a fim de garantir que os procedimentos sejam executados de forma adequada. Por meio dos resultados obtidos pelo ensaio de dureza, foi possível constatar que o método em que se utilizou a esfera de 10 mm e a carga de 3000 kgf mostrou-se o mais adequado. Acredita-se que esse fato está relacionado à não homogeneidade do ferro fundido cinzento, visto que, utilizando esferas de menor diâmetro, obteve-se um maior coeficiente de variação dos resultados.

Palavras chave: Ensaio de dureza. Ferro fundido cinzento ABNT FC 300. Fundição.

Biografia do Autor

Sérgio Luis Marquezi, UNOESC

Engenheiro Mecânico, Mestre em Engenharia de Produção. Professor do Curso de Engenharia de Produção Mecânica e Engenharia Mecânica, da ACET Joaçaba.

Downloads

Publicado

03-09-2014

Como Citar

Bilibio, R., & Marquezi, S. L. (2014). AVALIAÇÃO DO MÉTODO DE ENSAIO DE DUREZA EM FERRO FUNDIDO CINZENTO ABNT FC 300. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão, 119. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/5289

Edição

Seção

Joaçaba - Ensino