ESQUEMAS DE GÊNERO: PERFIL IDIOCÊNTRICO-ALOCÊNTRICO E STATUS SOCIAL SUBJETIVO DE ESCOLARES PARTICIPANTES DE BALLET CLÁSSICO

Autores

  • Sandra Rogéria de Oliveira Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Lindines Gadini

Resumo

A dança, por estar associada à arte e ao movimento, proporciona o conhecimento das características próprias de seus praticantes de maneira mais eficaz. No contexto escolar, possibilita ao aluno o conhecimento de seus limites e possibilidades e proporciona também, o conhecimento das mais diversas culturas. Com isso, abre-se um espaço para a diversidade e para a construção de novas identidades. Assim, um indivíduo que inicia a prática da dança desde cedo, tem maior tendência em desenvolver o gosto por ela. Os fatores psicossociais são um dos parâmetros que levam um indivíduo a escolher a dança como atividade física. Dessa forma, este estudo apresenta como objetivo analisar as características psicossociais de escolares praticantes de ballet clássico do sexo feminino do município de Chapecó, SC. Consiste em uma pesquisa de campo, não probabilística, enquadrando-se como descritiva. A amostra foi composta por 40 bailarinas do estilo ballet clássico, com idades entre 12 e 18 anos do município de Chapecó, SC. Como instrumentos foram utilizados, um questionário contendo as características sociodemográficas, o inventário feminino do esquema de gênero do autoconceito, o inventário de perfil idiocêntrico-alocêntrico e a escala MacArthur de status social subjetivo versão para Jovens. Para caracterização dos sujeitos, utilizaram-se os recursos de estatística descritiva por meio de frequências relativas e absolutas. Das 40 bailarinas analisadas, todas são solteiras e a maioria pertence à classe econômica de nível alto. Os resultados mostram que 45% das bailarinas classificam-se como pertencentes ao esquema de gênero heteroesquemático feminino, no perfil idiocêntrico-alocêntrico 57,5% são heteroalocêntricas, e, em relação ao status social, 47,5% estão no nível mais alto.

Palavras-chave: Dança. Perfil psicossocial. Ballet.

Biografia do Autor

Sandra Rogéria de Oliveira, Universidade do Oeste de Santa Catarina

Mestre em Educação, Graduação em Educação Física e Letras. Professora do Curso de Educação Físicada Unoesc - Area das Ciências da Saúde e Educação.

Downloads

Publicado

29-08-2014

Como Citar

Oliveira, S. R. de, & Gadini, L. (2014). ESQUEMAS DE GÊNERO: PERFIL IDIOCÊNTRICO-ALOCÊNTRICO E STATUS SOCIAL SUBJETIVO DE ESCOLARES PARTICIPANTES DE BALLET CLÁSSICO. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão, 56. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/5246

Edição

Seção

Chapecó - Ensino