PERSPECTIVAS DA LITERATURA CATARINENSE: (IN)EXISTENTE?

Autores

  • Abele Marcos Casarotto Universidade do Oeste de Santa Catarina.
  • Ademir Paulo Giraldello

Resumo

A sociedade é composta por seres humanos sócio-históricos, que se encontram em constantes lutas e imersos em um contexto estratificado. Presos a classes e a um sistema capitalista, tentam desalienar-se. Com a ascensão de um grupo, ascendem-se novas tendências de enfrentamento da realidade. Em vista disso, este trabalho concerniu ao esforço de investigação às principais contribuições de uma base epistemológica acerca das perspectivas da literatura catarinense e da ilustre figura de Cruz e Sousa. A respeito da natureza metodológica do trabalho, a pesquisa foi exploratória, quanto aos objetivos e de bibliografia, em relação às fontes de informação. Obtiveram-se intrigantes implicações da apreciação crítico-reflexiva dos dados. Primeira, que se for firmada a existência de uma literatura catarinense, precisam-se definir critérios e que estes não se limitem tão somente à tradição literária, à fronteira geográfica, à materialização das obras, ainda mais se não avaliados em um viés sócio-histórico e político-cultural. Segunda, que a inferência da (in)existência de uma literatura catarinense permeia a apreciação de aspectos socioideológicos relacionados ao recorte geográfico analisado. Destarte, uma vez respondidas essas implicações, com a articulação de definidos critérios, poder-se-ia afirmar a existência de uma literatura catarinense. Enquanto isso não ocorre, sem a definição concreta de critérios, e estes apreciados em uma perspectiva socioideológica, pode-se apenas assinalar uma literatura catarinense em processo de construção.

Palavras-chave: Educação. Literatura catarinense. Cruz e Sousa. Perspectivas.

Biografia do Autor

Abele Marcos Casarotto, Universidade do Oeste de Santa Catarina.

Professor Doutor em Literatura, Unoesc.

Ademir Paulo Giraldello

Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Línguas Estrangeiras Modernas (Língua Inglesa), Língua Portuguesa, Tradução e Revisão de Textos. Atualmente, é professor de inglês e coordenador pedagógico - Escola de Idiomas Wizard -, tradutor e revisor de textos por empreendimento autônomo.

Downloads

Publicado

29-08-2014

Como Citar

Casarotto, A. M., & Giraldello, A. P. (2014). PERSPECTIVAS DA LITERATURA CATARINENSE: (IN)EXISTENTE?. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão, 451. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/5137

Edição

Seção

Xanxerê - Pesquisa