OCORRÊNCIA DE CRYPTOSPORIDIUM SPP. E FATORES EPIDEMIOLÓGICOS ASSOCIADOS À INFECÇÃO EM BEZERROS COM DIARREIA NO ESTADO DE SANTA CATARINA

  • Giovana Camillo Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Bruna Matzembacker

Biografia do Autor

Giovana Camillo, Universidade do Oeste de Santa Catarina
Médica Veterinária (2008) formada na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Mestre (2011) em Medicina Veterinária Preventiva, Doutora (2015) em Sanidade e Reprodução Animal e Pós-doutorado na área de Doenças infecto-contagiosas, ênfase em bacteriologia. Possui grau equivalente à Licenciatura Plena (2015), obtido através do Programa Especial de Formação de Professores para a Educação Profissional, da UFSM . Atualmente é professora na Universidade do Oeste de Santa Catarina (UNOESC), no curso de Medicina Veterinária, responsável pelas disciplinas de Parasitologia Veterinária, Doenças Parasitárias, Doenças Infecto-contagiosas, bem como pelo Laboratório de Parasitologia Veternária da instituição. Possui experiência em Medicina Veterinária Preventiva, principalmente nas áreas de Parasitologia, Doenças Parasitárias dos animais domésticos e Doenças infecto-contagiosas. Desenvolveu trabalhos com protozoários (Toxoplasma gondii e Neospora caninum, com ênfase em diagnóstico - Imunofluorescência indireta, bioensaio, cultivo celular, isolamento e biologia molecular), além de helmintoses (diagnóstico coproparasitológico, cultura e identificação de larvas, teste de eficácia de anti-helmínticos, método Famacha) e Ixodídeos (biocarrapaticidograma).
Publicado
24-09-2019
Como Citar
Camillo, G., & Matzembacker, B. (2019). OCORRÊNCIA DE CRYPTOSPORIDIUM SPP. E FATORES EPIDEMIOLÓGICOS ASSOCIADOS À INFECÇÃO EM BEZERROS COM DIARREIA NO ESTADO DE SANTA CATARINA. Seminário De Iniciação Científica, Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão E Mostra Universitária, e22290. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/22290
Edição
Seção
PIBIC- CNPq