ANÁLISE ARQUITETÔNICA DA COLONIZAÇÃO ITALIANA E ALEMÃ NA REGIÃO SUL DO BRASIL

  • Inara Pagnussat Camara Unoesc
  • Luana Pellin

Resumo

As transformações ocorridas na Europa afetaram não somente aquele continente, mas também influenciaram a cultura na região Sul do Brasil. A imigração de italianos e alemães manifestou-se em todo o país, porém na região sul tiveram notável expressão, formando núcleos importantes que carregam as tradições até os dias atuais.  A cidade de Videira em Santa Catarina, desde sua formação política até o seu desenvolvimento econômico e social, está ligada aos imigrantes italianos e alemães que colonizaram o município. Assim, este artigo busca compreender a influência da arquitetura italiana e alemã na região Sul. Este material faz parte de um recorte de um trabalho de conclusão de curso que possui a proposta da implantação de um centro cultural conectando as tradições italianas e alemãs no município de Videira/SC. Dessa forma, como o município foi colonizado por povos de diferentes origens, a arquitetura da cidade também se mesclou. Com isso, utilizou-se de estudos caso, para a análise de edificações em cidades que foram colonizadas basicamente por uma nacionalidade, e estudadas duas construções que possuem hoje caráter cultural e turístico e comparadas suas arquiteturas. Conforme os estudos avançam, fica clara que as técnicas e matérias empregados tiveram que ser adaptados devido ao novo território e ao clima.

Biografia do Autor

Inara Pagnussat Camara, Unoesc

Arquiteta e Urbanista (UPF-2013); Especialista em Arquitetura Comercial (IMED-2015); Especialista em Metodologia de Ensino na Educação Superior (UNINTER-2018); Mestre em Arquitetura e Urbanismo (IMED-2018); Especialização em andamento em Planejamento Urbano (2018-2020).

Publicado
23-08-2019
Como Citar
Camara, I. P., & Pellin, L. (2019). ANÁLISE ARQUITETÔNICA DA COLONIZAÇÃO ITALIANA E ALEMÃ NA REGIÃO SUL DO BRASIL. Seminário De Iniciação Científica, Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão E Mostra Universitária, e21857. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/21857
Edição
Seção
Videira - Ensino