ESTIMATIVA DA CAPACIDADE DE CARGA DE SISTEMAS DE FUNDAÇÕES A PARTIR DO EMPREGO DE DIFERENTES MÉTODOS DE CÁLCULO E SUAS IMPLICAÇÕES PRÁTICAS: ESTUDO DE CASO DO MUNICÍPIO DE CHAPECÓ/SC

  • Rosana Luchesi
  • Gabriela Ceccon Carlesso Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • João Alberto Gisi Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Thaíris de Sena Granzotto Universidade do Oeste de Santa Catarina

Resumo

Para o adequado dimensionamento de um elemento de fundação, é fundamental conhecer o comportamento do solo em que a mesma será inserida, notadamente em termos de capacidade de carga. Para a estimativa da capacidade de carga de um sistema de fundação, podem ser empregados diferentes métodos de cálculo (teóricos e semi-empíricos, além de ensaios conhecidos como provas de carga), que conduzem a resultados distintos. Neste contexto, a presente pesquisa, atualmente em andamento, tem como objetivo comparar os valores obtidos para a estimativa da capacidade de carga de sistemas de fundações a partir da aplicação de diferentes métodos de cálculos, tratando-se de um estudo de caso desenvolvido no município de Chapecó/SC. Para tanto, foram identificados, inicialmente, perfis de solos do município, conforme boletins de sondagens SPT (Standard Penetration Test), coletados junto às empresas da região. Posteriormente, serão definidos projetos-padrão para determinados bairros, dimensionando-se os respectivos elementos de fundação, com base nos diferentes resultados de capacidade de carga, obtidos por meio do emprego dos métodos variados. Com isto, a partir do levantamento de quantitativos dos projetos, espera-se que o presente estudo demonstre a influência da adoção de diferentes métodos de cálculo de capacidade de carga, evidenciando-se suas implicações práticas na execução das fundações da região de Chapecó/SC.
Publicado
28-08-2018
Como Citar
Luchesi, R., Ceccon Carlesso, G., Gisi, J. A., & de Sena Granzotto, T. (2018). ESTIMATIVA DA CAPACIDADE DE CARGA DE SISTEMAS DE FUNDAÇÕES A PARTIR DO EMPREGO DE DIFERENTES MÉTODOS DE CÁLCULO E SUAS IMPLICAÇÕES PRÁTICAS: ESTUDO DE CASO DO MUNICÍPIO DE CHAPECÓ/SC. Seminário De Iniciação Científica, Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão E Mostra Universitária. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/18782
Edição
Seção
Chapecó - Pesquisa