1A FASE DO PROGRAMA RESTART: EDUCAÇÃO E TRATAMENTO PSICOLÓGICO DA DEPENDÊNCIA TECNOLÓGICA DE JOVENS.

  • Karolina Ida Martins Neu UNOESC
  • Aline Bogoni Costa UNOESC

Resumo

O Programa ReStart: educação e tratamento psicológico da dependência tecnológica de jovens, é um projeto de extensão universitária, em andamento desde abril de 2018, na Unoesc, Campus Aproximado de Pinhalzinho. Seus objetivos são: criar e disponibilizar um portfólio com informações sobre a dependência tecnológica, via página web; atuar em conjunto com as escolas locais em atividades educativas e informativas;  e constituir um ambulatório permanente para o atendimento de casos de dependência e familiares na Clínica Escola da Unoesc, do referido Campus. Neste resumo, apresentam-se algumas das ações já realizadas. Primeiramente, foi realizada uma enquete, com a participação de 105 jovens, de 16 a 20 anos, objetivando-se mapear as formas de acesso e características de navegação junto desse público, com vistas ao desenvolvimento do portfólio. Constatou-se que o acesso mais realizado é à rede social Facebook (42,9%) e  que a maioria selecionam sites para navegar e/ou acessos a informações pela imagem (54,3%) que os representa. Tais indicativos, entre outras informações favorecidas pela enquete, apoiam o trabalho atual de desenvolvimento do portfólio de informações virutal. Outra atividade em andamento é o Cine Debate com os jovens nas Escolas locais, tratando de assuntos relacionadas ao Programa, o que tem possibilitado a aproximação dos entes escolares (alunos,professores,técnicos), das temática da dependência tecnológica, favorecendo o pensamento crítico e, dialeticamente, possibilitando aprendizagens aos participantes. As ações do ReStart continuarão até o final de 2019.  

 

Publicado
28-08-2018
Como Citar
Neu, K., & Costa, A. (2018). 1A FASE DO PROGRAMA RESTART: EDUCAÇÃO E TRATAMENTO PSICOLÓGICO DA DEPENDÊNCIA TECNOLÓGICA DE JOVENS. Seminário De Iniciação Científica, Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão E Mostra Universitária. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/18675