USO DE PSICOFÁRMACOS: UM ESTUDO DE CASO

  • Angélica Carina MASSMANN Unoesc Chapecó
  • Vanessa Antunes Bodigheimer
  • Cacieli Frantz Antunes Unoesc Chapecó
  • Mônica Raquel Sbeghen UNOESC-SC

Resumo

Considerando o elevado consumo de psicofármacos na atualidade este trabalho tem por objetivo investigar os efeitos causados por medicamentos como o Cloridrato de Venlafaxina e Topiramato em mulheres adultas intermediárias, do mesmo modo que se procura identificar a especialidade dos médicos que realizam prescrições medicamentosas desta ordem. Apresenta-se também, de forma breve, o mecanismo de ação destes fármacos e alguns dos efeitos adversos que os mesmos podem ocasionar. Este estudo utilizou-se da metodologia qualitativa por meio de entrevista na qual se buscou comparar os fundamentos pesquisados inicialmente com os dados coletados com a pessoa entrevistada. Foi possível concluir que o uso de alguns medicamentos não é adequado para todas as pessoas, visto que estes podem causar efeitos colaterais muito sérios. Dessa forma, ressalta-se a importância do aprofundamento com relação as queixas do paciente antes realizar uma prescrição medicamentosa, buscando evitar a banalização do uso farmacológico.
Publicado
28-08-2018
Como Citar
MASSMANN, A. C., Bodigheimer, V. A., Antunes, C. F., & Sbeghen, M. R. (2018). USO DE PSICOFÁRMACOS: UM ESTUDO DE CASO. Seminário De Iniciação Científica, Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão E Mostra Universitária. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/18658
Edição
Seção
Chapecó - Pesquisa