DIARREIA NA REGIÃO SUL: ESTUDO DAS TAXAS DE MORTALIDADE E DE INTERNAÇÃO HOSPITALAR

  • Eduardo Ottobelli Chielle UNOESC
  • Victor Antônio Kuiava
  • Ana Thereza Perin

Resumo

A diarreia é de um dos sinais clínicos de enfermidades mais e é definida como sendo o aumento da frequência das defecações. As principais causas para o desenvolvimento das diarreias são as causas infecciosas (bactérias, vírus, toxinas). A qualidade e segurança dos alimentos é fundamental para o não desenvolvimento de doença. Este estudo analisou os dados epidemiológicos das internações e mortalidade por diarreia na região Sul. Estudo retrospectivo com análise de dados dos Sistema de Mortalidade e do Sistema de Notificação Hospitalar durante os anos de 2000 a 2015 na região Sul do Brasil. Dados populacionais foram obtidos do IBGE. Durante o período analisado foram notificados 261.749 internações hospitalares e 6.774 mortes. A população mais jovens e mais velhas apresentaram maiores internações. A faixa etária dos 0-4 anos apresentou 301 (IC de 95%, 266-336) casos de internação por 100.000 habitantes. Os grupos populacionais entre 15-59 anos apresentam baixa taxa de internação. As taxas de mortalidade desta patologia também foram maiores em  grupos etários mais extremos, com ênfase no mais idosos. A proporção internação e mortalidade n faixa etária acima de 80 anos foi 1 morte a cada 4 internações, 39 (IC de 95%, 37-41) a cada 100.000. As diarreias são causas importantes de morbidade para todas as faixas etárias e causas significativas de mortalidade para faixas etárias mais jovens e mais velhas. Com base nisso a melhora da segurança alimentar, no preparo, plantio, e estocagem são medidas fundamentais para o controle dessa condição.
Publicado
28-08-2018
Como Citar
Ottobelli Chielle, E., Kuiava, V. A., & Perin, A. T. (2018). DIARREIA NA REGIÃO SUL: ESTUDO DAS TAXAS DE MORTALIDADE E DE INTERNAÇÃO HOSPITALAR. Seminário De Iniciação Científica, Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão E Mostra Universitária. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/18649
Edição
Seção
São Miguel do Oeste - Ensino