CARACTERIZAÇÃO SOCIODEMOGRÁFICA E ADESÃO AO TRATAMENTO MEDICAMENTOSO DE IDOSOS COM DOENÇAS CRÔNICAS NÃO-TRANSMISSÍVEIS NA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA

  • Danieli Covalski
  • Érika Eberlline Pacheco dos Santos
  • Camila Amthauer

Resumo

As doenças crônicas não-transmissíveis (DCNT) são as principais causas de mortalidade no mundo, especialmente em idosos, constituindo um desafio para os profissionais de saúde, pois seu tratamento sofre influência de diversos fatores, dentre eles a adesão. O objetivo desta pesquisa foi avaliar a adesão ao tratamento medicamentoso de idosos com DCNT na Estratégia Saúde da Família (ESF) e sua relação com aspectos sociodemográficos. Estudo descritivo-exploratório, com abordagem quantitativa, realizado com 99 idosos com mais de 60 anos, que possuíam hipertensão arterial e/ou diabetes e em tratamento medicamentoso controlado para estas doenças. A coleta de dados ocorreu nas ESF do município de São Miguel do Oeste/SC. Foram utilizados o questionário de caracterização da população e Escala de Adesão Terapêutica de Morisky de 8 itens. Realizaram-se análises descritivas e bivariadas. A maioria dos idosos, 31 tinha idade entre 66 e 70 anos, 66 eram do sexo feminino, 69 com escolaridade de 1° grau incompleto, 46 tinham renda mensal de até 2 salários mínimos, 62 consideravam suas alimentações como saudáveis e 82 não fumavam ou conviviam com alguém que fumava. Foram considerados aderentes 71 idosos e não aderentes 28. A análise estatística revelou resultados significativos nos campos escolaridade, alimentação e tabagismo. Assim, pode-se considerar que maiores níveis de adesão ao tratamento medicamentoso para as DCNT, tais como hipertensão arterial e/ou diabetes, estão relacionados a ter algum estudo formal, manter alimentação saudável e não ser fumante ou conviver com alguém que fuma.
Publicado
28-08-2018
Como Citar
Covalski, D., Santos, Érika E. P. dos, & Amthauer, C. (2018). CARACTERIZAÇÃO SOCIODEMOGRÁFICA E ADESÃO AO TRATAMENTO MEDICAMENTOSO DE IDOSOS COM DOENÇAS CRÔNICAS NÃO-TRANSMISSÍVEIS NA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA. Seminário De Iniciação Científica, Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão E Mostra Universitária. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/18611
Edição
Seção
PIBIC- CNPq