TRABALHO INFANTIL NA ÁREA DE ABRANGÊNCIA DA PROCURADORIA DO TRABALHO EM CHAPECÓ

  • Elizabete Geremias Universidade do Oeste de Santa Catarina - Unoesc
  • Rógis Juarez Bernardy Bernardy Universidade do Oeste de Santa Catarina - Unoesc
  • Andréia Kawamura Luchetta Universidade do Oeste de Santa Catarina - Unoesc

Resumo

Apesar de existirem leis que visam a impedir e um conjunto de esforços para prevenir e erradicar o trabalho do menor, a sua exploração ainda continua sendo um problema comum. A pesquisa traz um breve histórico do trabalho infantil no Brasil, até os dados do último Censo Demográfico ocorrido em 2010 e da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio, em 2015 e 2016, além de apresentar informações obtidas no sistema MPT Digital, utilizado pelo Ministério Público do Trabalho. A pesquisa buscou verificar a realidade do trabalho infantil na área de abrangência da Procuradoria do Trabalho em Chapecó (SC), que compreende 78 Municípios. O trabalho infantil é entendido como toda forma irregular de trabalho exercido por menores de idade, ou seja, qualquer forma de trabalho para menores de 16 anos e o trabalho noturno, insalubre e perigoso para menores de 18 anos, sendo apenas legalmente permitida a aprendizagem a partir dos 14 anos. Esse tipo de exploração reflete em problemas sociais, verificado na pobreza, marginalização e vulnerabilidade, pois são submetidos a situações de abusos, negligência e violência, além de subtrair o direito ao pleno desenvolvimento de suas potencialidades e capacidades. O resultado da pesquisa demonstrou dados controversos e que, embora reais, não refletem a realidade das crianças e jovens, pois as situações de trabalho infantil nem sempre chegam ao conhecimento dos órgãos competentes para tornar efetiva a garantia constitucional da prioridade absoluta dos direitos das crianças e adolescentes, perpetuando, assim, o ciclo de pobreza e a exclusão social. Palavras-chaves:Trabalho infantil. Proteção à infância. Ministério Público do Trabalho. Procuradoria Regional do Trabalho 12ª Região.  Procuradoria do Trabalho em Chapecó.

Biografia do Autor

Elizabete Geremias, Universidade do Oeste de Santa Catarina - Unoesc

ALVIM, R. O trabalho infantil e reprodução social: o trabalho das crianças numa

fábrica com vila operária. In: SILVA, A. M. (Org.). Condições de vida das camadas

populares. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1984.

 

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. [Brasília], [1988], Disponível em:http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Constituicao.htm.

Acesso em: 10 de fevereiro de 2017.

 

BRASIL. Decreto-Lei N.º 5.452, de 1º de maio de 1943, que aprova a Consolidação das Leis do Trabalho. [Brasília], [1943]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto-lei/Del5452.htm. Acesso em: 15 de agosto de 2017.

 

BRASIL. Decreto-Lei N.º 4.134, de 15 de fevereiro de 2002. Promulga a Convenção n. º 138 e a Recomendação n. º 146, da Organização Internacional do Trabalho (OIT), sobre Idade Mínima de Admissão ao Emprego. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/2002/d4134.htm. Acesso em: 10 de setembro de 2017.

 

BRASIL. Lei Complementar Nº. 75, de 20 de Maio de 1993, que dispõe sobre a organização, as atribuições e o estatuto do Ministério Público da União. [Brasília], [1993], Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/LCP/Lcp75.htm. Acesso em: 10 de fevereiro de 2017.

 

BRASIL. Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário. Programa de Erradicação do Trabalho Infantil – PETI. Disponível em: http://mds.gov.br/assuntos/cadastro-unico/o-que-e-e-para-que-serve/programa-de-erradicacao-do-trabalho-infantil-peti. Acesso em: 26 de setembro de 2017. BRASIL. Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário. Lançamento do Simpeti. Disponível em: http://blog.mds.gov.br/redesuas/?p=1642.  Acesso em: 05 de novembro de 2017.

 

BRASIL. Ministério Público do Trabalho. Brasília. Disponível em: http://.mpt.mp.br. Acessado em: 10 de fevereiro de 2017.

 

BRASIL. Portal Brasil - Mais de 63 mil crianças e adolescentes foram retirados do trabalho infantil no Brasil. Disponível em: http://www.brasil.gov.br/cidadania-e-justica/2017/06/mais-de-63-mil-criancas-e-adolescentes-foram-retirados-do-trabalho-infantil-no-brasil. Acesso em: 04 de setembro de 2017.

 

BRASIL. TST - Tribunal Superior do Trabalho. Campanha Nacional de Erradicação ao Trabalho Infantil. Disponível em: http://www.tst.jus.br/es/web/combatetrabalhoinfantil/inicio. Acesso em: 04 de setembro de 2017.

 

CAVALCANTI, T. M. Em busca da verdade. A atividade instrutória do Ministério Público do Trabalho como corolário do direito à justa prestação jurisdicional. In: Escola Superior do Ministério Público da União (Org.). Boletim Científico. Brasília. Janeiro/junho 2015

 

CORREA DE ASSIS, R. M. A Proteção Constitucional do Trabalhador – 25 anos da Constituição Federal de 1988. Brasília. Maio/2013. Disponível em: https://www12.senado.leg.br/publicacoes/estudos-legislativos/tipos-de-estudos/textos-para-discussao/td-127-a-protecao-constitucional-do-trabalhador-25-anos-da-constituicao-federal. Acesso em: 10 de fevereiro de 2017.

 

COUTINHO, S. G. Da Atuação do Ministério Público do Trabalho. Disponível em: http://www.webartigos.com/artigos/da-atuacao-do-ministerio-publico-do-trabalho/114390/. Acesso em: 9 de fevereiro de 2017.

 

CUNHA, R. S.; LÉPORE, P. E.; ROSSATO, L. A. Estatuto da criança e do adolescente comentado artigo por artigo. 6ª. ed. São Paulo. Revista dos Tribunais, 2014

 

FONSECA, R. T. M. da. As Formas de Aprendizagem no Brasil: Questões Emergentes. Rev. TST, Brasília, vol. 79, no 1, jan/mar 2013

 

FONSECA, R. T. M. da. A Idade Mínima para o trabalho. Proteção ou Desamparo. Âmbito Jurídico: O seu Portal Jurídico na Internet. Disponível em: http://www.ambito-juridico.com.br/site/index.php?n_link=revista_artigos_leitura&artigo_id=4811. Acesso em: 25 de setembro de 2017.

 

GUIMARÃES, L. Valor Econômico - Trabalho infantil na agricultura cresce 15,4% em um ano. Disponível em: http://www.valor.com.br/brasil/5000846/trabalho-infantil-na-agricultura-cresce-154-em-um-ano. Acesso em: 12 de junho de 2017.

 

LEITE, C. H. B. Ministério Público do Trabalho: doutrina, jurisprudência e prática. 7ª ed. São Paulo. Saraiva, 2015.

 

MINHARRO, E.R. dos S. A Criança e o Adolescente no Direito do Trabalho. São Paulo. LTr, 2003.

 

OLIVA, J. R. D. O Princípio da Proteção Integral e o Trabalho da Criança e do Adolescente no Brasil. São Paulo. LTr 2006.

 

OLIVEIRA, O. O Trabalho da Criança e do Adolescente. São Paulo. LTr 1994.

 

ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO – OIT (Brasil): Programa Internacional para a Eliminação do Trabalho Infantil. Disponível em: http://www.oit.org.br/sites/all/ipec/apresentacao.php. Acesso em: 26 de setembro de 2017.

 

RIBEIRO, B. Por que a formação de conselheiros tutelares é essencial para o combate ao trabalho infantil? Disponível em: http://www.chegadetrabalhoinfantil.org.br/noticias/materias/formacao-conselheiros-tutelares-trabalho-infantil/. Acesso em: 31 de outubro de 2017.

 

SILVA, M. E. de L. e. Trabalho Infantil e Programas de Transferência de Renda: Uma Análise do Impacto do Programa Bolsa Família. Disponível em: https://www.anpec.org.br/encontro/2017/submissao/files_I/i13-41250b64b91143e51cf7ead66e73ecf3.pdf. Acesso em: 31 de outubro de 2017.
Rógis Juarez Bernardy Bernardy, Universidade do Oeste de Santa Catarina - Unoesc

ALVIM, R. O trabalho infantil e reprodução social: o trabalho das crianças numa

fábrica com vila operária. In: SILVA, A. M. (Org.). Condições de vida das camadas

populares. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1984.

 

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. [Brasília], [1988], Disponível em:http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Constituicao.htm.

Acesso em: 10 de fevereiro de 2017.

 

BRASIL. Decreto-Lei N.º 5.452, de 1º de maio de 1943, que aprova a Consolidação das Leis do Trabalho. [Brasília], [1943]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto-lei/Del5452.htm. Acesso em: 15 de agosto de 2017.

 

BRASIL. Decreto-Lei N.º 4.134, de 15 de fevereiro de 2002. Promulga a Convenção n. º 138 e a Recomendação n. º 146, da Organização Internacional do Trabalho (OIT), sobre Idade Mínima de Admissão ao Emprego. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/2002/d4134.htm. Acesso em: 10 de setembro de 2017.

 

BRASIL. Lei Complementar Nº. 75, de 20 de Maio de 1993, que dispõe sobre a organização, as atribuições e o estatuto do Ministério Público da União. [Brasília], [1993], Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/LCP/Lcp75.htm. Acesso em: 10 de fevereiro de 2017.

 

BRASIL. Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário. Programa de Erradicação do Trabalho Infantil – PETI. Disponível em: http://mds.gov.br/assuntos/cadastro-unico/o-que-e-e-para-que-serve/programa-de-erradicacao-do-trabalho-infantil-peti. Acesso em: 26 de setembro de 2017. BRASIL. Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário. Lançamento do Simpeti. Disponível em: http://blog.mds.gov.br/redesuas/?p=1642.  Acesso em: 05 de novembro de 2017.

 

BRASIL. Ministério Público do Trabalho. Brasília. Disponível em: http://.mpt.mp.br. Acessado em: 10 de fevereiro de 2017.

 

BRASIL. Portal Brasil - Mais de 63 mil crianças e adolescentes foram retirados do trabalho infantil no Brasil. Disponível em: http://www.brasil.gov.br/cidadania-e-justica/2017/06/mais-de-63-mil-criancas-e-adolescentes-foram-retirados-do-trabalho-infantil-no-brasil. Acesso em: 04 de setembro de 2017.

 

BRASIL. TST - Tribunal Superior do Trabalho. Campanha Nacional de Erradicação ao Trabalho Infantil. Disponível em: http://www.tst.jus.br/es/web/combatetrabalhoinfantil/inicio. Acesso em: 04 de setembro de 2017.

 

CAVALCANTI, T. M. Em busca da verdade. A atividade instrutória do Ministério Público do Trabalho como corolário do direito à justa prestação jurisdicional. In: Escola Superior do Ministério Público da União (Org.). Boletim Científico. Brasília. Janeiro/junho 2015

 

CORREA DE ASSIS, R. M. A Proteção Constitucional do Trabalhador – 25 anos da Constituição Federal de 1988. Brasília. Maio/2013. Disponível em: https://www12.senado.leg.br/publicacoes/estudos-legislativos/tipos-de-estudos/textos-para-discussao/td-127-a-protecao-constitucional-do-trabalhador-25-anos-da-constituicao-federal. Acesso em: 10 de fevereiro de 2017.

 

COUTINHO, S. G. Da Atuação do Ministério Público do Trabalho. Disponível em: http://www.webartigos.com/artigos/da-atuacao-do-ministerio-publico-do-trabalho/114390/. Acesso em: 9 de fevereiro de 2017.

 

CUNHA, R. S.; LÉPORE, P. E.; ROSSATO, L. A. Estatuto da criança e do adolescente comentado artigo por artigo. 6ª. ed. São Paulo. Revista dos Tribunais, 2014

 

FONSECA, R. T. M. da. As Formas de Aprendizagem no Brasil: Questões Emergentes. Rev. TST, Brasília, vol. 79, no 1, jan/mar 2013

 

FONSECA, R. T. M. da. A Idade Mínima para o trabalho. Proteção ou Desamparo. Âmbito Jurídico: O seu Portal Jurídico na Internet. Disponível em: http://www.ambito-juridico.com.br/site/index.php?n_link=revista_artigos_leitura&artigo_id=4811. Acesso em: 25 de setembro de 2017.

 

GUIMARÃES, L. Valor Econômico - Trabalho infantil na agricultura cresce 15,4% em um ano. Disponível em: http://www.valor.com.br/brasil/5000846/trabalho-infantil-na-agricultura-cresce-154-em-um-ano. Acesso em: 12 de junho de 2017.

 

LEITE, C. H. B. Ministério Público do Trabalho: doutrina, jurisprudência e prática. 7ª ed. São Paulo. Saraiva, 2015.

 

MINHARRO, E.R. dos S. A Criança e o Adolescente no Direito do Trabalho. São Paulo. LTr, 2003.

 

OLIVA, J. R. D. O Princípio da Proteção Integral e o Trabalho da Criança e do Adolescente no Brasil. São Paulo. LTr 2006.

 

OLIVEIRA, O. O Trabalho da Criança e do Adolescente. São Paulo. LTr 1994.

 

ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO – OIT (Brasil): Programa Internacional para a Eliminação do Trabalho Infantil. Disponível em: http://www.oit.org.br/sites/all/ipec/apresentacao.php. Acesso em: 26 de setembro de 2017.

 

RIBEIRO, B. Por que a formação de conselheiros tutelares é essencial para o combate ao trabalho infantil? Disponível em: http://www.chegadetrabalhoinfantil.org.br/noticias/materias/formacao-conselheiros-tutelares-trabalho-infantil/. Acesso em: 31 de outubro de 2017.

 

SILVA, M. E. de L. e. Trabalho Infantil e Programas de Transferência de Renda: Uma Análise do Impacto do Programa Bolsa Família. Disponível em: https://www.anpec.org.br/encontro/2017/submissao/files_I/i13-41250b64b91143e51cf7ead66e73ecf3.pdf. Acesso em: 31 de outubro de 2017.
Andréia Kawamura Luchetta, Universidade do Oeste de Santa Catarina - Unoesc

ALVIM, R. O trabalho infantil e reprodução social: o trabalho das crianças numa

fábrica com vila operária. In: SILVA, A. M. (Org.). Condições de vida das camadas

populares. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1984.

 

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. [Brasília], [1988], Disponível em:http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Constituicao.htm.

Acesso em: 10 de fevereiro de 2017.

 

BRASIL. Decreto-Lei N.º 5.452, de 1º de maio de 1943, que aprova a Consolidação das Leis do Trabalho. [Brasília], [1943]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto-lei/Del5452.htm. Acesso em: 15 de agosto de 2017.

 

BRASIL. Decreto-Lei N.º 4.134, de 15 de fevereiro de 2002. Promulga a Convenção n. º 138 e a Recomendação n. º 146, da Organização Internacional do Trabalho (OIT), sobre Idade Mínima de Admissão ao Emprego. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/2002/d4134.htm. Acesso em: 10 de setembro de 2017.

 

BRASIL. Lei Complementar Nº. 75, de 20 de Maio de 1993, que dispõe sobre a organização, as atribuições e o estatuto do Ministério Público da União. [Brasília], [1993], Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/LCP/Lcp75.htm. Acesso em: 10 de fevereiro de 2017.

 

BRASIL. Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário. Programa de Erradicação do Trabalho Infantil – PETI. Disponível em: http://mds.gov.br/assuntos/cadastro-unico/o-que-e-e-para-que-serve/programa-de-erradicacao-do-trabalho-infantil-peti. Acesso em: 26 de setembro de 2017. BRASIL. Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário. Lançamento do Simpeti. Disponível em: http://blog.mds.gov.br/redesuas/?p=1642.  Acesso em: 05 de novembro de 2017.

 

BRASIL. Ministério Público do Trabalho. Brasília. Disponível em: http://.mpt.mp.br. Acessado em: 10 de fevereiro de 2017.

 

BRASIL. Portal Brasil - Mais de 63 mil crianças e adolescentes foram retirados do trabalho infantil no Brasil. Disponível em: http://www.brasil.gov.br/cidadania-e-justica/2017/06/mais-de-63-mil-criancas-e-adolescentes-foram-retirados-do-trabalho-infantil-no-brasil. Acesso em: 04 de setembro de 2017.

 

BRASIL. TST - Tribunal Superior do Trabalho. Campanha Nacional de Erradicação ao Trabalho Infantil. Disponível em: http://www.tst.jus.br/es/web/combatetrabalhoinfantil/inicio. Acesso em: 04 de setembro de 2017.

 

CAVALCANTI, T. M. Em busca da verdade. A atividade instrutória do Ministério Público do Trabalho como corolário do direito à justa prestação jurisdicional. In: Escola Superior do Ministério Público da União (Org.). Boletim Científico. Brasília. Janeiro/junho 2015

 

CORREA DE ASSIS, R. M. A Proteção Constitucional do Trabalhador – 25 anos da Constituição Federal de 1988. Brasília. Maio/2013. Disponível em: https://www12.senado.leg.br/publicacoes/estudos-legislativos/tipos-de-estudos/textos-para-discussao/td-127-a-protecao-constitucional-do-trabalhador-25-anos-da-constituicao-federal. Acesso em: 10 de fevereiro de 2017.

 

COUTINHO, S. G. Da Atuação do Ministério Público do Trabalho. Disponível em: http://www.webartigos.com/artigos/da-atuacao-do-ministerio-publico-do-trabalho/114390/. Acesso em: 9 de fevereiro de 2017.

 

CUNHA, R. S.; LÉPORE, P. E.; ROSSATO, L. A. Estatuto da criança e do adolescente comentado artigo por artigo. 6ª. ed. São Paulo. Revista dos Tribunais, 2014

 

FONSECA, R. T. M. da. As Formas de Aprendizagem no Brasil: Questões Emergentes. Rev. TST, Brasília, vol. 79, no 1, jan/mar 2013

 

FONSECA, R. T. M. da. A Idade Mínima para o trabalho. Proteção ou Desamparo. Âmbito Jurídico: O seu Portal Jurídico na Internet. Disponível em: http://www.ambito-juridico.com.br/site/index.php?n_link=revista_artigos_leitura&artigo_id=4811. Acesso em: 25 de setembro de 2017.

 

GUIMARÃES, L. Valor Econômico - Trabalho infantil na agricultura cresce 15,4% em um ano. Disponível em: http://www.valor.com.br/brasil/5000846/trabalho-infantil-na-agricultura-cresce-154-em-um-ano. Acesso em: 12 de junho de 2017.

 

LEITE, C. H. B. Ministério Público do Trabalho: doutrina, jurisprudência e prática. 7ª ed. São Paulo. Saraiva, 2015.

 

MINHARRO, E.R. dos S. A Criança e o Adolescente no Direito do Trabalho. São Paulo. LTr, 2003.

 

OLIVA, J. R. D. O Princípio da Proteção Integral e o Trabalho da Criança e do Adolescente no Brasil. São Paulo. LTr 2006.

 

OLIVEIRA, O. O Trabalho da Criança e do Adolescente. São Paulo. LTr 1994.

 

ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO – OIT (Brasil): Programa Internacional para a Eliminação do Trabalho Infantil. Disponível em: http://www.oit.org.br/sites/all/ipec/apresentacao.php. Acesso em: 26 de setembro de 2017.

 

RIBEIRO, B. Por que a formação de conselheiros tutelares é essencial para o combate ao trabalho infantil? Disponível em: http://www.chegadetrabalhoinfantil.org.br/noticias/materias/formacao-conselheiros-tutelares-trabalho-infantil/. Acesso em: 31 de outubro de 2017.

 

SILVA, M. E. de L. e. Trabalho Infantil e Programas de Transferência de Renda: Uma Análise do Impacto do Programa Bolsa Família. Disponível em: https://www.anpec.org.br/encontro/2017/submissao/files_I/i13-41250b64b91143e51cf7ead66e73ecf3.pdf. Acesso em: 31 de outubro de 2017.
Publicado
28-08-2018
Como Citar
Geremias, E., Bernardy, R. J., & Kawamura Luchetta, A. (2018). TRABALHO INFANTIL NA ÁREA DE ABRANGÊNCIA DA PROCURADORIA DO TRABALHO EM CHAPECÓ. Seminário De Iniciação Científica, Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão E Mostra Universitária. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/18586