ATENÇÃO A SAUDE MENTAL NA ADOLESCENCIA

  • Camília Susana Faler UNOESC
  • MILENA NISSOLA unoesc

Resumo

O presente estudo tem como objetivo apontar as queixas vinculadas aos transtornos mentais mais frequentes que acometem os jovens e adolescentes que se encontram em atendimento clínico ou psicológico no Serviço de Atendimento Psicológico SAP – vinculado ao Curso de Psicologia do Campus Chapecó.   Método: Trata-se de uma pesquisa de abordagem mista incluindo nesta etapa análise de dados secundários, sendo os prontuários de 145 pacientes na fiaxa etária de 12-18 anos atendidos no SAP nos anos de 2013-2016, os quais incluiram adolescentes com queixas, diagnóstico clinico ou psicológico de transtorno mental. Os dados formam analisados de maneira descritiva com frequência relativa e absoluta. Os resultados parciais  mostram como queixa  principal trazida pelos adolescentes; nervosismo/isolamento, ansiedade, depressão, tristeza, choro constante, agressividade, mudança de humor, ciúmes. Conclusões: As queixas trazidas no atendimento pelos adolescentes e suas famílias revelam a necessidade de  orientação apoio e ações preventivas  de promoção da saúde mental. Destaca-se como importante  serviço de apoio psicológico na oferta,  atenção, acolhimento, diagnóstico e tratamento da saúde mental dos adolescentes. Configura-se como um rede que fortalece as ações para comunidade na perspectiva da extensão universitária e de responsabilidade social.
Publicado
28-08-2018
Como Citar
Faler, C. S., & NISSOLA, M. (2018). ATENÇÃO A SAUDE MENTAL NA ADOLESCENCIA. Seminário De Iniciação Científica, Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão E Mostra Universitária. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/18492
Edição
Seção
Chapecó - Pesquisa