RETIRANDO AS MÁSCARAS: RELATO DE EXPERIÊNCIA À PARTIR DA ARTETERAPIA

  • Michelli Fiorese
  • Kaliane Gilioli Vieira
  • Adriano Schlosser

Resumo

O presente resumo relata a experiência de obsrvação e intervenção psicopedagógica realizada no contexto de uma Comunidade Terapêutica. Metodologicamente, classfica-se como uma pesquisa-ação, dividida em dois momentos: observações regulares, visando reconhecer as demandas, e posterior intervenção, com base no conteúdo observado. Participaram 26 adictos, do sexo masculino, com tempo de permanência baseado nas características da comunidade. A intervenção, realizada por meio de uma dinâmica grupal, propôs a criação de máscaras. O tema foi escolhido mediante observação deste tema ser recorrente nas falas do grupo, interpretada como a forma de esconder-se. Após a confecção, o momento de compartilhar abriu espaço para relatos importantes, como: máscaras que tinham antes do tratamento,  máscaras da vida  máscaras que querem deixar de usar. O intuito de confeccionar as máscaras foi que cada participante entrasse em contato consigo mesmo e suas dificuldades, e não tivesse medo de expor isso, tirarando assim as "máscaras" de defeitos,  reconhecendo-as e pertitindo um processo de aceitação e modificação.

Palavras chave: Psicologia. Processo Grupal. Arteterapia. Comunidade Terapêutica.

Publicado
28-08-2018
Como Citar
Fiorese, M., Vieira, K., & Schlosser, A. (2018). RETIRANDO AS MÁSCARAS: RELATO DE EXPERIÊNCIA À PARTIR DA ARTETERAPIA. Seminário De Iniciação Científica, Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão E Mostra Universitária. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/18336
Edição
Seção
Videira - Ensino