INTERNACIONALIZAÇÃO E EDUCAÇÃO SUPERIOR: UM ESTUDO A PARTIR DA REALIDADE ENCONTRADA NA UNIVERSIDADE DO OESTE DE SANTA CATARINA - SC

  • Maria de Lourdes Pinto de Almeida Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • KARLA PEZAVENTO Universidade do Oeste de Santa Catarina

Resumo

Esta pesquisa emerge de um projeto macro desenvolvido pelo Grupo Internacional de Estudos e Pesquisas de Educação Superior – GIEPES UNICAMP. O nosso objetivo foi refletir acerca dos processos de internacionalização que as universidades vem desenvolvendo, neste caso, a UNOESC. Esta investigação foi financiada  pelo Conselho Nacional de Pesquisa (CAPES) por meio do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC). A metodologia que norteou esta pesquisa foi a histórico-crítica tendo como complementaridade métodos qualitativos e quantitativos, os quais beneficiam uma mais adequada interpretação do contexto problematizador. Como resultados podemos afirmar que a UNOESC vem desenvolvendo seus processos de internacionalização desde 2010 e conta com o Programa de Mobilidade Acadêmica, onde os sujeitos envolvidos são os docentes e os discentes. Além  disso, conta com algumas diretrizes para as suas políticas, tais como, disseminar a cultura da internacionalização, ampliar as redes de colaboração e promover a mobilidade estudantil.
Publicado
28-08-2018
Como Citar
Pinto de Almeida, M., & PEZAVENTO, K. (2018). INTERNACIONALIZAÇÃO E EDUCAÇÃO SUPERIOR: UM ESTUDO A PARTIR DA REALIDADE ENCONTRADA NA UNIVERSIDADE DO OESTE DE SANTA CATARINA - SC. Seminário De Iniciação Científica, Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão E Mostra Universitária. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/18248