FORMAÇÃO E DISTRIBUIÇÃO DA RIQUEZA POR MEIO DA DEMONSTRAÇÃO DO VALOR ADICIONADO: EVIDENCIAÇÃO DA CARGA TRIBUTÁRIA DAS EMPRESAS LISTADAS NA BOLSA B3

  • ANDRESSA MICHELS UNOESC
  • Valmir Roque SOTT
  • CÁTIA GASSEN
  • MARIVANE ELY LUDWIG

Resumo

A Demonstração do Valor Adicionado evidencia todos os componentes capazes de gerar o valor adicionado, bem como mostrar a contribuição que a empresa traz para a sociedade onde está inserida, dentro deste contexto, destaca-se a carga tributária. Este estudo objetiva avaliar qual a relação entre a carga tributária e o valor adicionado do setor cíclico e não cíclico das empresas listadas na Bolsa B3. Para alcançar o objetivo do estudo, comparou-se a carga tributária média das empresas de maior e menor montante de valor adicionado. A pesquisa caracteriza-se como descritiva quanto aos objetivos, do tipo documental e de natureza quantitativa. A amostra desse estudo foi definida pelo critério não probabilístico intencional, envolvendo 88 empresas. Os dados foram coletados nas Demonstrações Contábeis e nos Relatórios de Administração. Os resultados apontaram que os incentivos fiscais exercem uma grande influência sobre a apuração da carga tributária, reduzindo a riqueza gerada distribuída ao governo. Outro aspecto observado é que há uma diferença expressiva na carga tributária comparando-se os dois setores, visto que o setor não cíclico apresenta menor incidência de tributos por serem itens de consumo de primeira necessidade, portando um custo menor.

Publicado
28-08-2018
Como Citar
MICHELS, A., SOTT, V. R., GASSEN, C., & LUDWIG, M. E. (2018). FORMAÇÃO E DISTRIBUIÇÃO DA RIQUEZA POR MEIO DA DEMONSTRAÇÃO DO VALOR ADICIONADO: EVIDENCIAÇÃO DA CARGA TRIBUTÁRIA DAS EMPRESAS LISTADAS NA BOLSA B3. Seminário De Iniciação Científica, Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão E Mostra Universitária. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/18056
Edição
Seção
São Miguel do Oeste - Ensino