ESTUDO DA INFLUÊNCIA DE AGREGADOS EXTRAÍDOS DE DIFERENTES JAZIDAS NA PRODUÇÃO DE CONCRETO PERMEÁVEL

  • Maiara Foiato UNOESC
  • Agatha Karyne Guisleni

Resumo

O desenvolvimento de pavimentos que possibilitem a percolação da água superficial, ocorre como uma ótima alternativa para a diminuição de problemas de inundação. O objetivo principal deste trabalho foi avaliar a influência de cinco agregados, sendo dois graníticos e três basálticos extraídos de diferentes jazidas e fragmentados de maneiras distintas, em propriedades de permeabilidade e resistência mecânica do concreto poroso. Inicialmente produziu-se concreto permeável com a mesma proporção de materiais, sendo 1:3:0,35 (cimento:pedrisco:água) apenas alterando o tipo de agregado graúdo.  Após a obtenção dos resultados de resistência mecânica aos 28 dias, constatou-se que o concreto produzido com um dos pedriscos basálticos fragmentado com britador de mandíbula apresentou resistência à compressão axial de 9,1 MPa e foi o pior resultado de resistência mecânica entre os demais. O melhor resultado foi obtido com o concreto produzido com um pedrisco basáltico fragmentado com britador de impacto que atingiu 26,6 MPa, porém não apresentou permeabilidade adequada. O segundo melhor resultado, foi obtido com um pedrisco granítico fragmentado com britador de impacto e atingiu o valor de resistência à compressão axial de 18,8 MPa sendo que a permeabilidade do concreto foi satisfatória. Os demais concretos permeáveis produzidos com os pedriscos graníticos e basálticos ainda não citados, fragmentados com britador de impacto, obtiveram resultados de resistência à compressão axial entre 12 e 13 MPa, e a permeabilidade dos concretos foi considerada satisfatória.
Publicado
28-08-2018
Como Citar
Foiato, M., & Guisleni, A. K. (2018). ESTUDO DA INFLUÊNCIA DE AGREGADOS EXTRAÍDOS DE DIFERENTES JAZIDAS NA PRODUÇÃO DE CONCRETO PERMEÁVEL. Seminário De Iniciação Científica, Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão E Mostra Universitária. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/17953
Edição
Seção
Joaçaba - Ensino