MUDANÇAS NA ROTINA PERCEBIDAS PELOS PAIS APÓS O DIAGNÓSTICO DE CRIANES DE SEUS FILHOS

Autores

  • Cleomara Andrighi Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Jessica Mayara Wolfart
  • Elizabete Ferreira de Souza Fortes
  • Fernanda Lenker
  • Samuel Spiegelberg Zuge

Resumo

Introdução:  o nascimento de um filho modifica toda a rotina de uma família, as mudanças são ainda maiores quando ocorre a revelação do diagnóstico de criança com necessidade especial de saúde (CRIANES).  Objetivo: perceber como foi para os pais a mudança na rotina após a revelação do diagnóstico de CRIANES. Metodologia: estudo qualitativo, com sete pais de CRIANES. As entrevistas ocorreram no período de Julho a Agosto de 2016 e foram analisadas conforme o Conteúdo de Bardin. Aprovado no comitê de ética e pesquisa sob parecer: 1.616.973. Resultados: identificou-se a categoria:  percepção dos pais sobre a mudança na sua rotina após a revelação do diagnóstico de CRIANES. Elencando-se as subcategorias 1) Praticamente mudou tudo: descreve a mudança drástica na rotina dos pais após o diagnóstico; 2) Parei de trabalhar: está voltada às condições financeiras, para realizar melhor os cuidados os pais se afastaram do emprego, ocasionando um desequilíbrio econômico; 3) Procurar pela APAE: as famílias buscaram conhecer a instituição a fim de obterem recursos para o desenvolvimento das crianças; 4) A gente não sai: planos que anteriormente foram traçados necessitam de mudanças. Conclusão: percebe-se que as crianças com necessidades especiais requerem cuidados individuais e personalizados, exigindo uma série de adaptações para os familiares e profissionais da área da saúde.

Downloads

Publicado

13-09-2017

Como Citar

Andrighi, C., Wolfart, J. M., Ferreira de Souza Fortes, E., Lenker, F., & Spiegelberg Zuge, S. (2017). MUDANÇAS NA ROTINA PERCEBIDAS PELOS PAIS APÓS O DIAGNÓSTICO DE CRIANES DE SEUS FILHOS. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/14788

Edição

Seção

São Miguel do Oeste - Ensino