CONDIÇÃO HIGIENICO SANITÁRIA DO COLOSTRO BOVINO PRODUZIDO DE UMA FAZENDA NA CIDADE DE ÁGUA DOCE, SANTA CATARINA

Autores

  • Thais Volpato
  • Camila Luchesi
  • Ana Paula Ariotti
  • Edson Luiz de Souza
  • Claudriana Locatelli
  • Fabiana Andreia A. S. M. Soares UNOESC

Resumo

O colostro bovino se destaca por suas propriedades nutricionais e terapêuticas e pela altas concentração de imunoglobulinas, sendo uma fonte potencial de anticorpos.  O conhecimento dos parâmetros microbiológicos e físico-químicos do colostro é fundamental para fazer uso deste material na alimentação animal e humana. O objetivo do trabalho foi avaliar a condição higienico sanitário do colostro bovino de uma fazenda em Água Doce. Foram analisados 7 amostras de colostro bovino coletados de Março a Setembro de 2016. Foram realizados as análises físico-química de  acidez, teor de proteína do soro, pH, umidade, proteína e mineral. As análises microbiológicas foram o NMP de coliformes totais e fecais, bactérias aeróbicas mesófilas e psicotrópicas (UFC/mL), Staphylococcus aureus (UFC/mL) e bactérias do ácido lático (UFC/ totalmL). As contagens de bactérias mesofílicas variam de 2,5 x 102 a 1,0 x 104, psicotrópicas entre 1,0 x 10¹ a 2,0 x 10² e ácido lático de 2,5 x 10² a 6, 0 x 10³. O Staphylococcus aureus, coliformes totais e termotolerantes não foram detectados no colostro bovino. O pH variou de 6,5±0,1, acidez de 38,5±0,1 °D, umidade 78,2±1,2 g/100g, mineral 1,0±0,2 g/100g, proteína total de 11,8 ± 0,8 g/100 g e o teor de proteína do soro de 21,2 ± 0,3 °Brix. Os resultados obtidos permitiram concluir que a composição microbiológica e físico-química do colostro bovino estão dentro dos limites propostos pela legislação. Conhecer a composição físico-química do colostro indica a possibilidade de desenvolvimento de novos alimentos para a alimentenção de crianças e adultos.

Biografia do Autor

Fabiana Andreia A. S. M. Soares, UNOESC

Doutora em Ciência dos Alimentos

Downloads

Publicado

13-09-2017

Como Citar

Volpato, T., Luchesi, C., Ariotti, A. P., de Souza, E. L., Locatelli, C., & Soares, F. A. A. S. M. (2017). CONDIÇÃO HIGIENICO SANITÁRIA DO COLOSTRO BOVINO PRODUZIDO DE UMA FAZENDA NA CIDADE DE ÁGUA DOCE, SANTA CATARINA. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/14652

Edição

Seção

Videira - Pesquisa