EDUCAÇÃO E SAÚDE: ORIENTAÇÕES SOBRE MÉTODOS CONTRACEPTIVOS PARA ALUNOS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO DE XANXERÊ.

Autores

  • Valéria Furini Universidade do Oeste de Santa Catarina- UNOESC.
  • Evanir dos Santos Baptista Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Vinicius Braga Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Adriangela Greice Leseux Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Denise Kunz Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Gabriela Richeta Casagrande Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Grasiele Barrinuevo Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Naiara Cousseau Universidade do Oeste de Santa Catarina

Resumo

Esse trabalho está inserido nas atividades do Grupo de Pesquisa em Saúde Coletiva, consolidado na Unoesc, campus de Xanxerê. Os acadêmicos do curso de Farmácia deste campus, realizaram  atividades de orientações e prevenção que envolveram os seguintes temas, métodos contraceptivos e doenças sexualmente transmissíveis (DST´s), nesta primeira fase foi atendida a demanda de duas escolas, Escola de Educação Básica Dom Anulfo e Escola de Educação Básica Iraci Tonelo ambas de Xanxerê. O público dessas escolas frequentavam entre o 6º e 9º ano escolar, com idade entre 13 e 18 anos, totalizando cerca de 350 atendimentos.O objetivo maior deste trabalho foi aumentar o indice de conhecimento dos adolescentes sobre o uso de preservativos, bem como a sua importância na prevenção contra DST´s e gravidez precoce.  A preocupação maior se deu em elaborar uma abordagem que prendesse a atenção deste público e ao mesmo tempo os deixasse desinibidos para questionar. Para enfrentar esse propósito realizou-se pesquisas sobre os temas, e também dinâmicas que pudessem ser desenvolvidas em grupo.  Em todos os atendimentos, ficou perceptível que os alunos estavam constrangidos. Mas a partir do momento em que o preservativo masculino e feminino foram apresentados de forma física, o público começava a interagir. O interessante foi que muitos alunos enviaram perguntas escritas sem identificação, o que possibilitou os mesmos receberem  informação. Acredita-se que a informação seja a melhor maneira de prevenir doenças, e que deve ser desenvolvida nos anos inciais da adolescência.

Downloads

Publicado

13-09-2017

Como Citar

Furini, V., Baptista, E. dos S., Braga, V., Leseux, A. G., Kunz, D., Casagrande, G. R., Barrinuevo, G., & Cousseau, N. (2017). EDUCAÇÃO E SAÚDE: ORIENTAÇÕES SOBRE MÉTODOS CONTRACEPTIVOS PARA ALUNOS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO DE XANXERÊ. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/14453

Edição

Seção

Xanxerê - Extensão