NÍVEL DE UTILIZAÇÃO DA INCIDÊNCIA MONOFÁSICA DO PIS E DA COFINS NO COMÉRCIO VAREJISTA DE ALIMENTOS

Autores

  • Dalvana Dalfovo UNOESC
  • Karen Bevilacqua UNOESC
  • Ivonez Xavier de Almeida UNOESC
  • Jarlei Sartori UNOESC

Resumo

O estudo objetivou identificar o nível de utilização da incidência monofásica do Pis e da Cofins no cálculo do Simples Nacional nas empresas de comércio varejista da cidade de Luzerna-SC.  A pesquisa se classifica como qualitativa, de caráter exploratório. A coleta de dados foi realizada por meio de entrevista semiestruturada e a amostra constituída de 15 estabelecimentos. Os resultados demonstraram que a maioria dos gestores entrevistados não possui conhecimento sobre o conceito de incidência monofásica, tampouco sobre os produtos enquadrados, desconhecendo os procedimentos para parametrização no software de gestão utilizado pela empresa. A informação contábil restringe-se às questões ficais relacionadas a guias para recolhimento de tributos e folha de pagamento, com baixo interesse para a tomada de decisão. Por esta pesquisa limitar-se a uma única cidade e a um único segmento sugere-se novos estudos, considerando empresas de outras regiões e de setores diferentes, a fim de corroborar com os resultados obtidos.

Downloads

Publicado

13-09-2017

Como Citar

Dalfovo, D., Bevilacqua, K., Xavier de Almeida, I., & Sartori, J. (2017). NÍVEL DE UTILIZAÇÃO DA INCIDÊNCIA MONOFÁSICA DO PIS E DA COFINS NO COMÉRCIO VAREJISTA DE ALIMENTOS. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/14367

Edição

Seção

Joaçaba - Ensino