VIOLÊNCIA E RESILIÊNCIA: UM ESTUDO SOBRE AS REAÇÕES COGNITIVAS COMPORTAMENTAIS DA POPULAÇÃO LGBT.

  • Scheila Beatriz Sehnem UNOESC
  • João Tomaz dos Santos Neto

Resumo

O gênero e a orientação sexual são características que compõem a identidade e subjetividade dos indivíduos, influenciando diretamente sua psique. Atualmente a sociedade está discutindo com maior veemência as questões identitárias e sexuais, com isso surgem diferentes formas de compreensão e reação social, uma destas é a violência, na qual muitos LGBT’s enfrentam cotidianamente. Então, objetivou-se com um grupo de LGBT’s traçar o perfil sociodemográfico, identificar quais os tipos de violência sofrida por eles, além de realizar um resgate das reações cognitivas e comportamentais diante das manifestações de violência enfrentadas. Os instrumentos utilizados foram uma Escala de Verificação do Nível de Resiliência e uma entrevista semiestruturada. Verificou-se com este estudo que a maioria dos participantes da pesquisa possui em sua história de vida, sofrimento psíquico em decorrência de já terem vivenciado diferentes formas de violência, porém, apresentaram um alto índice de resiliência, confirmando o que já foi descrito pela literatura no que se refere à habilidade humana para superar adversidades da vida de forma positiva, em um processo dinâmico que contempla aspectos emocionais, socioculturais, ambientais, cognitivos e comportamentais.
Publicado
13-09-2017
Como Citar
Sehnem, S. B., & Santos Neto, J. T. dos. (2017). VIOLÊNCIA E RESILIÊNCIA: UM ESTUDO SOBRE AS REAÇÕES COGNITIVAS COMPORTAMENTAIS DA POPULAÇÃO LGBT. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/14337
Edição
Seção
Joaçaba - Pesquisa