PERCEPÇÃO DO ÊXITO E METAS SOCIAIS EM EDUCAÇÃO FÍSICA: A CONCEPÇÃO DE ESTUDANTES DO ENSINO FUNDAMENTAL

Autores

  • Diane Cristina Tanques Unoesc
  • Elisabeth Baretta UNOESC

Resumo

A motivação é indispensável para o exercício físico. As formas de motivação intrínseca são as mais positivas e estão relacionadas com a orientação para a tarefa e com os níveis mais elevados de satisfação das metas sociais de responsabilidade. Esta pesquisa teve como objetivo investigar a motivação em estudantes do ensino fundamental de escolas de Joaçaba e Capinzal, SC, identificando a percepção do êxito e os fatores sociais relacionados às aulas de Educação Física. Foi realizado um estudo com 104 estudantes que responderam a dois questionários: a Escala de Metas Sociais em Educação Física e a Percepção do Êxito. O grupo que pratica atividade física extraclasse revelou maiores médias para as duas metas sociais analisadas. A meta social de Relacionamento foi predominante na totalidade entrevistada (6,0 + 1,20) e a Responsabilidade, com o valor de 5,4 (+ 1,52). Em relação à percepção do Êxito, a subescala que apresentou maior escore foi 5,9 (+1,49) para os objetivos de realização orientados para a Tarefa. Os entrevistados possuem intenções de participar da aula de Educação Física, principalmente para reforçar ou criar laços de amizade. O exercício físico extracurricular pode contribuir para o esforço e empenho dos estudantes. Os resultados obtidos podem ser em razão do ambiente proporcionado pela escola e professores, aliado à tentativa de satisfazer a meta social de relacionamento por meio das atividades propostas. 

Downloads

Publicado

13-09-2017

Como Citar

Tanques, D. C., & Baretta, E. (2017). PERCEPÇÃO DO ÊXITO E METAS SOCIAIS EM EDUCAÇÃO FÍSICA: A CONCEPÇÃO DE ESTUDANTES DO ENSINO FUNDAMENTAL. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/13930

Edição

Seção

Joaçaba - Pesquisa