CARACTERÍSTICAS PSICOSSOCIAIS DO ENVELHECIMENTO NO MUNICÍPIO DE SÃO MIGUEL DO OESTE/SC

  • Sirlei Favero Cetolin
  • Caroline Gomes Petry

Resumo

O envelhecimento populacional é uma das mais significativas tendências do século
XXI. Os aspectos psicossociais merecem especial atenção no processo do envelhecer, pois
apresenta implicações importantes e de longo alcance para todos os domínios da sociedade. O
relatório apresenta resultados de uma pesquisa realizada no município de São Miguel do Oeste, e
teve como objetivo avaliar as características psicossociais das pessoas idosas com base nos
parâmetros propostos pela Organização Mundial de Saúde, considerando: os domínios da saúde
psicológica e das relações familiares e sociais no município de São Miguel do Oeste/SC. A
pesquisa realizada caracteriza-se como descritiva. A seleção da amostra para a participação na
pesquisa foi feita de forma intencional, com participação voluntária, correspondendo a um
número de 50 pessoas. A coleta dos dados foi realizada nos Centros de Convivência para Idosos
localizados nos Bairros de descrição das Equipes da ESF do município. A análise foi realizada
com a utilização de dois questionários, a Escala de Depressão Geriátrica, que facilita a
identificação da depressão em idosos, e o APGAR, que possibilita verificar indícios de disfunção
familiar. Os idosos que responderam o questionário estão na faixa etária de 60 a 95 anos, sendo
trinta e três do sexo feminino e dezessete do sexo masculino, trinta e cinco vivem sozinhos e
quinze coabitam com membros da família, como cônjuge, filhos e netos. A partir dos
instrumentos utilizados para avaliar o índice de depressão e a funcionalidade familiar dos
idosos, conseguimos observar que, grande parte dos idosos estão satisfeitos com o suporte
ofertado pela família, escoltado de companheirismo, afetividade, respeito e compartilhamento
de momentos. A família é o ponto de referência apontado pelos idosos, e de extrema importância
para o bem-estar próprio destes, a família é o espaço de intimidade e proteção do idoso. O
estudo permitiu averiguar o quanto é importante realizar atividades com o conhecimento da
família, o convívio social nos centros de convivência e o contato com o outro auxilia o idoso a
envelhecer bem e enfrentar as atividades cotidianas. Desta forma, o objetivo da pesquisa foi
alcançado, pois se verificaram quais são as principais características psicossociais voltadas no
município de São Miguel do Oeste, e de que maneira elas são vistas nos dias atuais, a percepção
dos idosos em relação a si mesmo e à valorização do cuidado familiar no seu processo de
envelhecimento.
Publicado
24-08-2016
Como Citar
Cetolin, S. F., & Petry, C. G. (2016). CARACTERÍSTICAS PSICOSSOCIAIS DO ENVELHECIMENTO NO MUNICÍPIO DE SÃO MIGUEL DO OESTE/SC. Seminário De Iniciação Científica E Seminário Integrado De Ensino, Pesquisa E Extensão. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/siepe/article/view/11624
Edição
Seção
São Miguel do Oeste - Pesquisa