ESTUDO DA PAISAGEM DO COREDE NORTE BASEADO EM SISTEMA SIG: INTELIGÊNCIA TECNOLÓGICA ESSENCIAL NA CONSTRUÇÃO DE CIDADES SUSTENTÁVEIS

Autores

  • Daniele Marchetto Universidade Federal da Fronteira Sul, UFFS, Erechim
  • Bruna Nazzari Universidade Federal da Fronteira Sul, UFFS, Erechim
  • Carlos Ricardo de Oliveira Universidade Federal da Fronteira Sul, UFFS, Erechim
  • Carolaine Lopes Amarante Universidade Federal Fronteira Sul, UFFS, Erechim
  • Samyle Fonseca e Silva Universidade Federal da Fronteira Sul, UFFS, Erechim
  • Daiane Regina Valentini Universidade Federal da Fronteira Sul, UFFS, Erechim
  • Angela Favaretto Universidade Federal da Fronteira Sul, UFFS, Erechim

Palavras-chave:

Paisagem regional, Geoprocessamento, Unidades de Paisagem

Resumo

O presente artigo tem por objetivo apresentar um processo de leitura da paisagem regional, a partir do método de Unidades de Paisagem (UPs) com o auxílio de Sistema de Informações Geográficas (SIG). Aplicou-se aos municípios pertencentes ao Perfil Socioeconômico COREDE Norte, do estado do Rio Grande do Sul. Esse estudo foi desenvolvido na disciplina de Projeto Urbano e Paisagem, da Universidade Federal da Fronteira Sul - UFFS, fundamentado em discussões teórico-metodológicas, levantamento fotográfico, elaboração de cartografia fundamentados nos elementos e na estrutura da paisagem, cujos fatores antrópicos e ecológicos compõem os mosaicos paisagísticos da região. O SIG aplicado ao planejamento da paisagem, apresentou-se como importante mecanismo para o conhecimento e sistematização da realidade territorial, resultando na identificação e caracterização de UPS, que são porções territoriais estratégicas para o desenvolvimento e a gestão espacial. Nesta perspectiva, o SIG ainda apresenta-se como uma ferramenta eficiente para o monitoramento, e gestão dos espaços urbanos, o que pode contribuir significativamente para a construção de cidades inteligentes e sustentáveis.

Downloads

Publicado

19-07-2021

Edição

Seção

Eixo Temático 1: Cidades inteligentes e sustentáveis