EFICÁCIA DA ESCOLA E CONDICIONANTES DO DESEMPENHO ESCOLAR DOS ALUNOS: DO MODELO UNIDIMENSIONAL DE ANÁLISE AO MULTIDIMENSIONAL/SCHOOL EFFECTIVENESS AND DETERMINANTS OF STUDENT PERFORMANCE: FROM THE UNIDIMENSIONAL TO THE MULTIDIMENSIONAL MODEL OF ANALYSIS

  • José Camilo dos Santos Filho

Resumo

O objetivo deste trabalho foi apresentar um breve relato sobre a progressiva abrangência dos modelos de relacionamento entre condicionantes externos e internos à escola e o desempenho dos alunos. Até os anos 1970, foram realizadas pesquisas na abordagem positivista para explicar o desempenho escolar dos alunos a partir da análise de variáveis de entrada. A partir dos anos 1970, a introdução da pesquisa qualitativa no estudo do processo escolar levou ao entendimento ampliado dos fatores internos do desempenho dos alunos. A partir dos anos 1980, o renovado reconhecimento da importância da pesquisa quantitativa no contexto externo e interno da escola, para determinar seu efeito no desempenho dos alunos e o efeito específico da escola nesse resultado, adquiriu nova relevância.

Palavras-chave: Desempenho escolar. Desempenho do aluno. Condicionantes do desempenho do aluno. Escola eficaz. Eficácia da escola.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
18-12-2015
Como Citar
DOS SANTOS FILHO, J. C. EFICÁCIA DA ESCOLA E CONDICIONANTES DO DESEMPENHO ESCOLAR DOS ALUNOS: DO MODELO UNIDIMENSIONAL DE ANÁLISE AO MULTIDIMENSIONAL/SCHOOL EFFECTIVENESS AND DETERMINANTS OF STUDENT PERFORMANCE: FROM THE UNIDIMENSIONAL TO THE MULTIDIMENSIONAL MODEL OF ANALYSIS. Roteiro, v. 40, p. 101-116, 18 dez. 2015.
Seção
Dossiê Avaliação e regulação da educação em contextos ibero e latino-americanos