O AMOR AO SABER EM TEMPOS DE HAMARTIA / The love of knowledge in times of hamartia

Autores

  • Amarildo Luiz Trevisan

Resumo

O artigo apresenta uma reflexão a respeito da relação de amor com o conhecimento em tempos de hamartia. Partindo de um episódio relatado no romance A culpa é das estrelas, de John Green, que narra a trajetória de uma garota com câncer e fim trágico próximo, questiona o atual estágio do conhecimento, propondo discutir a necessidade de novas formas de expressão no contexto pós-traumático. Procura desvendar essa questão expondo a racionalidade escondida por trás do amplo panorama de tratamento das catástrofes, bem como alguns déficits das políticas oficiais adotadas no Brasil, com ênfase no enfoque multidisciplinar. Nesse sentido, a relação entre “educação, muldisciplinaridade e diversidade” é vista sob a perspectiva de articulação entre sofia e hamartia.

Palavras-chave: Amor ao saber. Hamartia. Educação. Multidisciplinaridade. Diversidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

26-11-2014

Como Citar

TREVISAN, A. L. O AMOR AO SABER EM TEMPOS DE HAMARTIA / The love of knowledge in times of hamartia. Roteiro, [S. l.], p. 49–70, 2014. Disponível em: https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/roteiro/article/view/6353. Acesso em: 19 set. 2021.

Edição

Seção

Dossiê Educação, diversidade e ação pedagógica