Casos de ensino e aprendizagens da docência em/para processos formativos de futuros professores

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18593/r.v46.27194

Palavras-chave:

Formação docente, Pedagogia, Aprendizagem da docência, Casos de ensino

Resumo

Neste texto, aborda-se uma experiência de formação-investigação com um grupo de alunas de Pedagogia, com o propósito de compreender os processos de desenvolvimento profissional da docência construídos após o estágio supervisionado e os sentidos destes em suas trajetórias formativas. Busca-se problematizar estas práticas mediante estudo das narrativas, envolvendo situações problemas ou de casos episódicos, a fim de indagarem o que veem, o que pensam e o que fazem, percebendo os limites de suas decisões e ações e compreendendo o processo formativo como um princípio mais amplo e a profissão do professor, bem como as práticas sociais a elas relacionadas. As aprendizagens e os saberes narrados possibilitam-nos ver as singularidades e potencialidades para a formação docente, entrelaçadas ao movimento de ressignificações em um contexto específico do trabalho docente, dando outros significados aos saberes profissionais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Filomena Maria de Arruda Monteiro, UFMT

Professora titular da Universidade Federal de Mato Grosso- UFMT, possui  Mestrado em Educação Pública pela Universidade Federal de Mato Grosso (1995) , Doutorado em Educação (2003) e pós doutorado (2012) pela Universidade Federal de São Carlos-UFSCar. Coordenou o Programa de Pós-Graduação em Educação-IE/UFMT (2006), foi Membro da Comissão de Avaliação trienal 2010 da área de Educação. Vice-Presidente da Associação Brasileira de Pesquisa (Auto) Biográfica (2015-2016). Coordenou o Ensino de Graduação em Pedagogia (2015-2016). Vice coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Educação PPGE-UFMT (2018). Atualmente é Editora da Revista de Educação Pública. Representante da região Centro-Oeste na Associação Brasileira de Pesquisa (Auto) Biográfica. Membro da comissão Editorial da Revista Brasileira de Educação (RBE). Membro da comissão de organização de evento internacional - Congresso Internacional de Pesquisa (Auto) Biográfica. Líder do Grupo de Estudos e Pesquisas em Política e Formação Docente (GEPForDoc)-CNPq. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Formação de professores, atuando principalmente nos seguintes temas: desenvolvimento e aprendizagem profissional da docência, pesquisa narrativa e trabalho docente, educação infantil e educação superior.

Referências

ALARCÃO, I. Reflexão crítica sobre o pensamento de D. Schön e os programas de formação de professores. In: ALARCÃO, I. et al. (org.). Formação reflexiva de professores. Estratégias de Supervisão. Portugal: Porto Editora, 1996. p. 9-39.

BAUMAN, Z. Identidade: entrevista a Benedetto Vecchi. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2005.

CLANDININ, D. J.; CONNELLY, F. M. Pesquisa narrativa: experiência e história em pesquisa qualitativa. Tradução: Grupo de Pesquisa Narrativa e Educação de Professores ILEEI/UFU. Uberlândia: EDUFU, 2011.

CONNELLY, F. M.; CLANDININ, D. J. Relatos de Experiencia e Invetigación Narrative. In: LAROSSA, J. et al. Déjame que te cuente: ensayissibre narrativa y educación. Barcelona: Laertes, 1995. p. 11-59.

DEWEY, J. Experiência e educação. Petrópolis, RJ: Vozes, 2010.

FIORENTINI, D.; CRECCI, V. Interlocuções com Marilyn Cochran-Smith sobre aprendizagem e pesquisa do professor em comunidades investigativas. Revista Brasileira de Educação, v. 21, n. 65, abr./jun. 2016.

GARCIA, C. M. Formação de professores: para uma mudança educativa. Porto: Porto Editora, 1999.

HALL, S. A. Identidade cultural na pós-modernidade. Tradução: Tomaz Tadeu da Silva. Ampliação: Guaciara Lopes Louro. 11. ed. Rio de Janeiro: Lamparina, 2019.

ISAIA, S. M. A.; BOLZAN, D. P. V. Tessituras formativas: articulação entre movimentos da docência e da aprendizagem docente. In: ISAIA, S. M. A. (org.). Qualidade da educação superior: a Universidade como lugar de formação. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2011. p. 187- 200.

LIMA, M. S. L. Estágio e aprendizagem da profissão docente. Brasília, DF: Liber Livro, 2012. Coleção Formar.

LIMA, M. S. L. Reflexões sobre o estágio/prática de ensino na formação de professores. Revista Diálogo Educacional, v. 8, n. 23, p. 195-205, jan./abr. 2008.

MARIANI, F.; MONTEIRO, F. M. A. A pesquisa narrativa na formação de professores: aproximações que se potencializam. Roteiro, v. 41, n. 1, p. 109-134, jan./abr. 2016.

MENEZES, V. Identidade e processos de identificação: um apanhado teórico. Revista Intratextos, v. 6, n. 1, p. 68-81, 2014.

MIZUKAMI, M. G. N. Aprendizagem da docência: algumas contribuições de L. S. Shulman. Revista do Centro de Educação da UFSM, v. 29, n. 2, 2004.

MIZUKAMI, M. G. N. Casos de Ensino e aprendizagem profissional da docência. In: ABRAMOWICZ, A.; MELLO, R. R. (org.). Educação: pesquisas e práticas. Campinas: Papirus, 2000. p. 139-161.

MIZUKAMI, M. G. N. et al. Escola e aprendizagem da docência: processos de investigação e formação. São Carlos: EdUFSCar, 2010.

MIZUKAMI, M. G. N. et al. Processos formativos da docencia: conteúdos e práticas. São Carlos: EdUFSCar, 2005.

MONTEIRO, F. M. A. Entre experiências e saberes: narrativas de professoras em exercício nos anos iniciais. Perspectiva, v. 38, n. 2 p. 1-21, abr./jun. 2020.

MONTEIRO, F. M. A.; FONTOURA, H. A. da (org.). Pesquisa, Formação e Docência: processos de aprendizagem e desenvolvimento profissional docente em diálogo. Cuiabá: Editora Sustentável, 2017.

MONTEIRO, F. M. A. Práticas de investigação narrativas com professores em exercício: contribuições significativas ao desenvolvimento profissional. Revista Teias, v. 15, p. 118-129, 2014.

NONO, M. A. Aprendendo a ensinar: futuras professoras das séries iniciais do ensino fundamental e casos de ensino. 2001. 176 p. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2001.

NONO, M. A.; MIZUKAMI, M. G. N. Casos de ensino e processos de aprendizagem profissional docente. Revista brasileira de Estudos pedagógicos, v. 83, n. 203-205, p. 72-84, jan./dez. 2002.

NÓVOA, A. (org.). Profissão Professor. Porto, Portugal: Porto Editora, 1995.

NÓVOA, A. Os lugares da teoria e os lugares da prática da profissionalidade docente. Revista Educação em Questão, v. 30, n. 16, p. 197-205, set./dez. 2007.

NÓVOA, A. Professores: imagens do futuro presente. Lisboa: EDUCA, 2009.

SHULMAN, L. S. Conhecimento e ensino: fundamentos para a nova reforma. Cadernos Cenpec, v. 4, n. 2, p. 196-229, dez. 2014.

SHULMAN, L. S. Conocimiento y Enseñanza: Fundamentos de la Nueva Reforma. Profesorado. Revista de currículum y formación del profesorado, v. 9, n. 2, p. 1, 2005. Disponível em: http://www.ugr.es/~recfpro/rev92art1.pdf. Acesso em: 20 out. 2016.

SHULMAN, L. S. Those who understand: knowledge growth in teaching. Educational Researcher, v. 15, n. 2, p. 4-14, 1986.

VAILLANT, D.; GARCIA, C. M. Ensinando a ensinar: as quatro etapas de uma aprendizagem. Curitiba: UTFPR, 2012.

WEISZ, T. O diálogo entre o ensino e a aprendizagem. 2. ed. São Paulo: Editora Ática, 2003. Coleção Palavras de Professor.

ZEICHNER, K. M. Repensando as conexões entre a formação na universidade e as experiências de campo na formação de professores em faculdades e universidades. Revista Educação, v. 35, n. 3, p. 479-504, set./dez. 2010.

ZEICHNER, K. M. Formação de professores para a justiça social em tempos de incerteza e desigualdades crescentes. In: DINIZ-PEREIRA, J. E.; ZEICHNER, K. M. (org.). Justiça Social – desafio para a formação de professores. Belo Horizonte: Autêntica, 2008. p. 16-39.

Downloads

Publicado

17-06-2021

Como Citar

MONTEIRO, F. M. de A. Casos de ensino e aprendizagens da docência em/para processos formativos de futuros professores. Roteiro, [S. l.], v. 46, p. e27194, 2021. DOI: 10.18593/r.v46.27194. Disponível em: https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/roteiro/article/view/27194. Acesso em: 28 set. 2021.

Edição

Seção

Seção temática: Casos de Ensino na pesquisa e na formação de professores