CORPOS EDUCADOS, PERIGOS CONTROLADOS: AS CONTRIBUIÇÕES DA GINÁSTICA ESCOLAR PARA A REMODELAÇÃO URBANA CARIOCA

  • José Cláudio Sooma Silva Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
  • Maria Zélia Maia de Souza Doutoranda em Educação pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG); bolsista do CNPq.

Resumo

Resumo: O artigo dialoga com outros estudos em História da Educação que têm procurado investigar o entrelaçamento dos saberes e práticas educacionais com as iniciativas de reforma urbana implementadas a partir da virada do século XIX para o XX. Nessa medida, tendo como fonte principal uma obra que foi redigida por Arthur Higgins, Compendio de ginástica e jogos escolares, publicada no final do século XIX, problematiza as interferências dos debates educacionais no ambiente urbano da cidade do Rio de Janeiro. O foco recaiu sobre as “contribuições” que a ginástica escolar prestaria para a organização das formas de a população interagir com a lógica almejada para a capital durante os anos Pereira Passos (1902-1906).

Palavras-chave: História da Educação. História da cidade do Rio de Janeiro. Ginástica Escolar.


Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Cláudio Sooma Silva, Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
Possui graduação em História pela Universidade de São Paulo (2000), licenciatura plena em História pela Universidade de São Paulo (2003), mestrado em Educação pela Universidade de São Paulo (2004) e doutorado em Educação pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2009), participando do programa de estágio de doutoramento financiado pela CAPES e pelo SECyT/MINCyT em Buenos Aires/Rosario; realizou estágio de pós-doutoramento no Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Educação da UERJ de setembro/2009 a janeiro/2010. Atualmente é Professor Adjunto de História da Educação e do Programa de Pós-Graduação da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em História da Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: métodos, práticas e saberes escolares; culturas escolares e culturas urbanas; História da institucionalização escolar; História da Cidade do Rio de Janeiro (finais do XIX - 1930); História da República
Maria Zélia Maia de Souza, Doutoranda em Educação pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG); bolsista do CNPq.
Possui graduação em Pedagogia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2003). Mestre em Educação pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO (2008). Professora substituta de Introdução à Pedagogia da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Bolsista da UAB (Universidade Aberta) /CEDERJ (Centro de Ed. a Distancia do Estado do RJ) atuando no Curso de Licenciatura em Pedagogia da UNIRIO como professora-tutora da disciplina História da Educação. Doutorado em andamento em Educação, (Conceito CAPES 7) . Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil. Pesquisadora do Programa de Estudos e Documentação Educação e Sociedade. Desenvolve pesquisas nos seguintes temas: infância, adolescência, políticas públicas, instituições educacionais, educação integral em tempo integral.
Publicado
04-07-2013
Como Citar
SOOMA SILVA, J. C.; MAIA DE SOUZA, M. Z. CORPOS EDUCADOS, PERIGOS CONTROLADOS: AS CONTRIBUIÇÕES DA GINÁSTICA ESCOLAR PARA A REMODELAÇÃO URBANA CARIOCA. Roteiro, p. 237-254, 4 jul. 2013.
Seção
Artigos