Educação superior: o desenvolvimento das capacidades e o processo de humanização

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18593/r.v46i.24766

Palavras-chave:

Educação Superior, Capacidades, Martha Nussbaum, Humanização

Resumo

O texto tem como objetivo discutir os desafios da Educação Superior no sentido de promover uma formação humana que preserve os princípios democráticos e de cidadania. Ele apresenta uma análise reflexiva, reconstrutiva-crítica-hermenêutica, de caráter bibliográfico, a partir do pensamento de Martha Nussbaum com relação ao desenvolvimento das capacidades, em conexão com outros autores vinculados à temática da educação superior e dos processos de humanização. Compreendemos que as capacidades humanas são elementos essenciais para que se efetive o desenvolvimento humano no âmbito da educação superior, além de ressaltar a importância de um currículo universitário e escolar que contemple uma formação mais sensível e humanizada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lidiane Limana Puiati Pagliarin, Universidade Federal da Fronteira Sul

Doutora em Educação pela Universidade de Passo Fundo (UPF). Mestre em Educação e Licenciada em Pedagogia pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Professora efetiva da Universidade Federal da Fronteira Sul, campus Erechim/RS. Membro do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação Superior (GEPES/UPF). E-mail: lidianepuiatipagliarin@gmail.com. Orcid: https://orcid.org/0000-0002-5390-5167

 

Patricia Carlesso Marcelino, Universidade de Passo Fundo

Doutora e Mestre em Educação pelo PPGEdu da Universidade de Passo Fundo-RS;  Especialista em Docência na Saúde (UFRGS); Especialista em atividade Física e Qualidade de Vida(UPF); Licenciada Plena em Educação Física (UPF). Docente Universitária, Terapeuta Corporal & Personal Wellness. Membro do Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação Superior (GEPES/UPF) e Grupo de Pesquisa Teoria e Prática Pedagógica (UPF). Contato: patriciacarlessowellness@gmail.com. Orcid: http://orcid.org/0000-0002-9084-1182

Rosana Cristina Kohls, Universidade de Passo Fundo

Doutora em Educação pelo PPGEdu da Universidade de Passo Fundo - RS - UPF (2019); Mestre em Educação pela Universidade do Contestado – UnC / UNICAMP (2001); Licenciada em Estudos Sociais pela UNIVALI/RS (1986); Licenciada em   Pedagogia pela Universidade do Contestado- UnC (2016); Licenciada em Geografia pela Universidade do Oeste de Santa Catarina  - UNOESC (1996). Membro do Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação Superior (GEPES/UPF) e Núcleo de Pesquisa em Filosofia e Educação (NUPEFE/UPF). Contato: rosanacrisk@gmail.com.  Orcid: https://orcid.org/0000-0003-3912-0133.

Referências

BARBOSA, M. Educação e cidadania: renovação pedagógica. Amarante: Labirinto, 2006.

BRASIL. Projeto de Lei nº 3261/2015. Autoriza o ensino domiciliar na educação básica, formada pela educação infantil, ensino fundamental e ensino médio para os menores de 18 (dezoito) anos, altera dispositivos da Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, e da Lei nº 8.069, de 13 de julho de 1990, que dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e dá outras providências. Disponível em: https://www.camara.leg.br/proposicoesWeb/fichadetramitacao?idProposicao=2017117. Acesso em: 24 abr. 2020.

ESPOSITO, R. Bios: Biopolítica e Filosofia. Tradução de Wagner Melo Miranda. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2017.

KOHLS, R. Ensino superior, crise das humanidades e a fragilidade democrática: reflexões a partir do pensamento de Martha Nuussbaum. 2019. Tese (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-graduação em Educação, Universidade de Passo Fundo, Passo Fundo, 2019.

MEC cortará verba de universidades que fazem "balbúrdia", diz ministro. GAUCHAZH, 2019. Disponível em: https://gauchazh.clicrbs.com.br/educacao-e-emprego/noticia/2019/04/mec-cortara-verba-de-universidades-que-fazem-balburdia-diz-ministro-cjv3s3r1u02cs01ro3dkqrf0a.html. Acesso em: 3 jul. 2020.

SANTOS, B. A cruel pedagogia do vírus. Portugal: Edições Almedina, abr. 2020.

SOUZA, A. Universidades que promoviam 'balbúrdia', segundo ministro da Educação, tiveram bloqueio abaixo da média. O Globo, 2019. Disponível em: https://oglobo.globo.com/sociedade/universidades-que-promoviam-balburdia-segundo-ministro-da-educacao-tiveram-bloqueio-abaixo-da-media-23673349. Acesso em: 3 jul. 2020.

STRIEDER, R. Educação e Humanização: por uma vivência criativa. Florianópolis: Habitus, 2002.

MARCELINO, P. Humanização e sensibilidade: educação e uso do corpo em Giorgio Agamben. 2019. Tese (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-graduação em Educação, Universidade de Passo Fundo, Passo Fundo, 2019.

MÜHL, E. Educação e identidade: individuação e individualização na sociedade contemporânea. In: DÌAZ, A.; SGRÓ, M. (coord.). Teoria crítica de educación y teoria crítica de la sociedade: perspectivas em diálogo. Tandil: Editorial UNICEN, 2018. p. 103-114.

NUSSBAUM, M. Crear Capacidades - Propuestas para el desarrollo humano. Tradução: Albino Santos Mosquera. Españha: Paidós, 2012.

NUSSBAUM, M. Educação e justiça social. Portugal: Edições Pedagogo, 2014.

NUSSBAUM, M. El cultivo de la humanidade: una defensa clásica de la reforma em La educación liberal. Barcelona: Paidós, 2005.

NUSSBAUM, M. Sem Fins Lucrativos – Porque a democracia precisa das Humanidades. Tradução: Fernando Santos. São Paulo: Martins fontes, 2015.

NUSSBAUM, M. Sin fines de lucro: Por qué la democracia necesita de las humanidades. Buenos Aires, Argentina: Katz, 2010.

SEN, A. Desenvolvimento como liberdade. São Paulo: Companhia das Letras, 2000.

TREVISAN, A. Provocações em torno das novas experiências de formação cultural (Bildung). In: RAJOBAC, R.; BOMBASSARO, L.; GOERGEN, P. (org.). Experiência formativa e reflexão homenagem a Nadja Hermann. Caxias do Sul: Educs, 2016. p. 259-272.

Downloads

Publicado

08-03-2021

Como Citar

PAGLIARIN, L. L. P.; MARCELINO, P. C.; KOHLS, R. C. Educação superior: o desenvolvimento das capacidades e o processo de humanização. Roteiro, [S. l.], v. 46, p. e24766, 2021. DOI: 10.18593/r.v46i.24766. Disponível em: https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/roteiro/article/view/24766. Acesso em: 15 maio. 2021.

Edição

Seção

Artigos de demanda contínua