O ensino de história e o PIBID História UFC: práticas docentes a partir da história pública

  • Ana Carla Sabino Fernandes UFC
Palavras-chave: Ensino de História, PIBID História UFC, História pública, Formação inicial docente, Saber histórico escolar

Resumo

Este artigo compartilha algumas atividades docentes pautadas em apropriações conceituais e bibliográficas acerca da História Pública para o ensino e a aprendizagem histórica. As atividades, no formato teórico-metodológico de aula-oficina e em sequências didáticas, foram realizadas pelo Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID)/Subprojeto História da Universidade Federal do Ceará (UFC) e desenvolvidas em três escolas públicas do Estado do Ceará, entre os anos de 2015-2017 e no primeiro bimestre de 2018, período em que coordenei o referido programa. Consideramos, em nossas práticas docentes, as narrativas estudantis sobre a ideia histórica de “público” como fundamentais para a construção dos saberes históricos dos alunos na escola e obtivemos como resultado o fomento da docência significativa dos futuros professores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Carla Sabino Fernandes, UFC

Doutora em História. Coordenadora dos estágios docentes em história na UFC; coordenadora do laboratório de ensino e aprendizagem em história (LEAH) e do grupo de estudos e pesquisas em ensino de história (GEPEH); docente orientadora da residência pedagógica história UFC. Coordenadora Acadêmica Local e docente do ProfHistória UFC.

Referências

ALBIERI, S. História pública e consciência histórica. In: ALMEIDA, J. R.; ROVAI, M. G. O. (org.). Introdução à história pública. São Paulo: Letra e Voz, 2011. p. 19-28.

ALMEIDA, J. R.; ROVAI, M. G. O. Apresentação. In: ALMEIDA, J. R.; ROVAI, M. G. O. (org.). Introdução à história pública. São Paulo: Letra e Voz, 2011. p. 7-15.

ARAÚJO, V. L. A aula como desafio à experiência da história. In: GONÇALVES, M. A. et al. Qual o valor da história hoje? Rio de Janeiro: Editora FGV, 2012. p. 66-77.

BARCA, I. Literacia história e consciência histórica. Revista Educar, p. 93-112, 2006. Edição Especial.

CERRI, L. F. Didática da história: uma leitura teórica sobre a história na prática. Revista de História Regional, v. 15, n. 8, p. 264-78, 2010.

CHARTIER, R. Do palco à página: publicar teatro e ler romances na época moderna: século XVI-XVIII. Rio de Janeiro: Casa da Palavra, 2002.

ENCONTRO ESTADUAL DE HISTÓRIA DO CEARÁ, 16., 2018, Fortaleza. Anais [...] Fortaleza: Universidade Federal do Ceará, 2018. Disponível em: https://eventos.uece.br/siseventos/processaEvento/evento/exibeDetalhes.jsf;jsessionid=7BA154E302F43E57DD1AE8270D2D70EA.eventoss2?id=398&area=indexEvento&contexto=eehc2018. Acesso em: 29 ago. 2019.

FERREIRA, R. A. Qual a relação entre a história pública e ensino de história? In: MAUAD, A. M.; SANTHIAGO, R.; BORGES, V. T. (org.). Que história pública queremos? São Paulo: Letra e Voz, 2018. p. 29-38.

FONSECA, T. N. L. Ensino de história, mídia e história pública. In: MAUAD, A. M.; ALMEIDA, J. R.; SANTHIAGO, R. (org.). História pública no Brasil: sentidos e itinerários. São Paulo: Letra e Voz, 2016. p. 185-194.

FREIRE, P. Ação cultural para a liberdade e outros escritos. Rio de janeiro: Paz e Terra, 1975.

MALERBA, J. Acadêmicos na berlinda ou como cada um escreve a História?: uma reflexão sobre o embate entre historiadores acadêmicos e não acadêmicos no Brasil à luz dos debates sobre Public History. História da Historiografia: revista eletrônica quadrimestral, n. 15, p. 27-50, ago. 2014.

MOREIRA, I. L. Sobre história pública e ensino de história: algumas considerações. EBR – Educação Básica Revista, v. 3, n. 2, p. 81-96, 2017.

O DIA que durou 21 anos | Documentário Completo. [S. l.: s. n.], 2012. 1 vídeo (79 min). Publicado pelo canal Filosofando Ciências humanas em debate. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=4ajnWz4d1P4. Acesso em: 28 jul. 2020.

OLIVEIRA, T. A. D. (org.). Isabel Barca: pensamento histórico e consciência histórica. Teoria e Prática. Curitiba: W. A. Editores, 2018. p. 77-86.

PREFEITURA DE FORTALEZA. Academia Enem. Fortaleza: Prefeitura de Fortaleza, [2020]. Disponível em: https://juventude.fortaleza.ce.gov.br/academia-enem Acesso em: 15 ago. 2019.

PREFEITURA DE FORTALEZA. Prefeitura de Fortaleza abre inscrições para o Academia Enem 2017. Fortaleza: Prefeitura de Fortaleza, 23 mar. 2017. Disponível em: https://www.fortaleza.ce.gov.br/noticias/prefeitura-de-fortaleza-abre-inscricoes-para-o-academia-enem-2017. Acesso em: 15 ago. 2019

SCHMIDT, M. A.; BARCA, I.; MARTINS, E. (org.). Jorn Rusen e o ensino de história. Curitiba: Ed. UFPR, 2011.

VALE, R. W. S. do. História, pesquisa e difusão cultural em arquivos: experiências no Arquivo Nacional. In: SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE HISTÓRIA PÚBLICA, 2., 2014. Niterói. Anais [...] Niterói: Universidade Federal Fluminense, set. 2014. Disponível em: http://historiapublica.com.br/simposio2014/?page_id=973. Acesso em: 29 ago. 2019.

WANDERLEY, S. Didática da história escolar: um debate sobre o caráter público da história ensinada. In: ALMEIDA, J. R.; MENESES, S. (org.). História pública em debate: patrimônio, educação e mediações do passado. São Paulo: Letra e Voz, 2018. p. 106-107.

Publicado
29-07-2020
Como Citar
FERNANDES, A. C. S. O ensino de história e o PIBID História UFC: práticas docentes a partir da história pública. Roteiro, v. 45, p. 1-16, 29 jul. 2020.
Seção
Seção temática:Aprendizagem histórica e formação de professores: contribuições da pesquisa em educação histórica