Educação histórica e a contribuição para a formação de professores: experiências de pesquisa

Palavras-chave: Educação Histórica, Formação de professores, Pesquisa

Resumo

O artigo apresenta contribuições de dissertações que discutem a aprendizagem histórica na perspectiva da Educação Histórica produzidas no Programa de Pós-graduação Stricto Sensu em Educação da Universidade Federal do Paraná (UFPR) e nos Programas de Pós-graduação Stricto Sensu em Educação e História da Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro). As pesquisas em Educação Histórica tomam como objeto de investigação os processos de aprendizagem histórica no âmbito escolar, aproximam-se desse fenômeno por meio do levantamento das ideias históricas (substantivas e de segunda ordem) de estudantes e professores e as analisam com os recursos da teoria e filosofia da História. As pesquisas inventariadas revelam movimentos das investigações fundamentadas nos princípios da Educação Histórica e indicam relação intrínseca com os processos de escolarização.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Geyso Dongley Germinari, Universidade Estadual do Centro-Oeste

Possui graduação em História pela Universidade Federal do Paraná (1998), mestrado em Educação pela Universidade Federal do Paraná, 2001 (Bolsa Capes), doutorado em Educação pela Universidade Federal do Paraná (2010). Atualmente é professor Adjunto da Universidade Estadual do Centro Oeste (UNICENTRO), atuando na graduação na disciplina Estágio Supervisionado em História, e no pós-graduação em Educação, na Linha de Pesquisa Educação, Cultura e Diversidade. Na UNICENTRO também é vice-chefe do Departamento de História, campus Irati e coordenador do Laboratório de Ensino de História (LEHIS). É pesquisador do Laboratório de Pesquisa em Educação Histórica (LAPEDUH), articulado ao Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Paraná. Atua e desenvolve pesquisas nas áreas de História e Educação, com ênfase em Educação Histórica e Ensino de História, atuando principalmente nos seguintes temas: educação histórica, didática da história, ensino e aprendizagem, formação de professores, arquivos e ensino de história e consciência histórica e identidade.

Ana Claudia Urban, Universidade Federal do Paraná

Possui graduação em História e Mestrado em Educação pela Universidade Estadual de Ponta Grossa. Doutorado em Educação pela Universidade Federal do Paraná. Atuou como professora das séries iniciais do Ensino Fundamental e também como professora de História na Rede Estadual de Ensino do Estado do Paraná. Atualmente é professora do Departamento de Teoria e Prática de Ensino (DTPEN) - Setor de Educação (UFPR), atuando na graduação na disciplina de Prática de docência em História e Metodologia do Ensino de História. Também atua no Programa de Pós-Graduação em Educação (UFPR), na Linha de Cultura, Escola e Processos Formativos em Educação e no Mestrado Profissional em Ensino de História (UFPR).  É pesquisadora do Laboratório de Pesquisa em Educação Histórica (LAPEDUH).

Referências

ANGEVIK, M.; BORRIES, B. Youth and history: a comparative European survey on historical consciousness and political attitudes among adolescents. Hamburg: Körber Foundation, 1997.

BARCA, I. Educação histórica: uma nova área de investigação. In: ARIAS NETO, J. M. (org.). Dez anos de pesquisas em ensino de História. Londrina: AtrioArt, 2005. p. 15-25.

BARCA, I. Educação histórica: uma nova área de investigação. Revista da Faculdade de Letras, III Série, v. 2, p. 13-21, 2001.

BARCA, I. Marcos de consciência histórica de jovens portugueses. Currículo sem fronteiras, v. 7, n. 1, p. 115-126, jan./jun. 2007.

BECKER, G. Consciência histórica e atribuição de sentidos: perspectivas de jovens estudantes do Ensino Médio em relação à história da cidade de Curitiba. 2017. 109 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2017.

CALDAS, C. C. Religiões de matriz africana como um tema controverso: diálogos possíveis entre cultura histórica e a cultura escolar. 2019. 135 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2019.

CASTEX, L. C. O conceito substantivo ditadura militar brasileira (1964-1984) na perspectiva de jovens brasileiros: um estudo de caso em escolas de Curitiba - PR. 2008. 184 f. Dissertações (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2008.

CZARNIESKI, H. K. Concepção de história local presente no ensino de história do município de Guarapuava - PR: uma análise na perspectiva da educação histórica. 2019. 117 f. Dissertação (Mestrado em História) – Universidade Estadual do Centro-Oeste, Irati, 2019.

EISNER, E. W. El ojo ilustrado: indagación cualitativa y mejora de la práctica educativa. Barcelona: Paidós, 1998.

EZPELETTA, J.; ROCKWELL, E. Pesquisa participante. São Paulo: Cortez; Autores Associados, 1986.

FERREIRA, S. A. Formação inicial de licenciados em história e a didática da história: análise dos projetos pedagógicos curriculares das Universidades Estaduais do Paraná. 2018. 141 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Estadual do Centro-Oeste, Irati, 2018.

FREITAS, A. D. G. Consciência histórica no ciberespaço: análise de fontes históricas e as mudanças na construção de sentido histórico em estudantes do ensino médio. 2017. 114 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2017.

JESUS, E. L. História local: ideias de sentido histórico nas narrativas de alunos do ensino médio de uma escola da rede pública estadual do município de Fernandes Pinheiro - PR. 2018. 112 f. Dissertação (Mestrado em História) – Universidade Estadual do Centro-Oeste, Irati, 2018.

JUNG, H.; STAHER, G. Didáctica de la historia y enseñanza de la historia em la Alemania unificada. Revista Conciencia Social, n. 2, p. 133-148, 1998.

LEE, P. Progressão da compreensão dos alunos em história. In: BARCA, I. Perspectivas em Educação Histórica. Braga: CEEP; Universidade do Minho, 2001. p. 13-27.

LEE, P. Walking backing into tomorrow: historical consciousness and understanding history. In: ANNUAL MEETING OF AMERICAN EDUCATIONAL RESEARCH ASSOCIATION, 2002, New Orleans. Proceedings […] New Orleans: American Educational Research Association, 2002. p. 1-45.

NEVES, J. N. Educação histórica e educação escolar indígena: como as crianças e jovens estudantes da etnia Mbyá Guarani se relacionam com a “história difícil”. 2018. 115 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2018.

OLIVEIRA, G. G. Histórias em quadrinhos na construção de uma literacia histórica nos livros didáticos presentes na cultura escolar. 2019. 90 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Estadual do Centro-Oeste, Irati, 2019.

RÜSEN, J. Aprendizado histórico. In: SCHMIDT, M. A.; BARCA, I.; MARTINS, E. R. (Orgs.). Jörn Rüsen e o ensino de história. Curitiba: Editora UFPR, 2010. p. 41-49.

RÜSEN, J. Aprendizagem histórica: fundamentos e paradigmas. Curitiba: W. A. Editores, 2012.

RÜSEN, J. Didática da história: passado, presente e perspectivas a partir do caso alemão. Práxis Educativa, v. 1, n. 2, p. 7-16, jul./dez. 2006.

RÜSEN, J. História viva: teoria da história: formas e funções do conhecimento histórico. Brasília, DF: Editora da Universidade de Brasília, 2007.

RÜSEN, J. Razão histórica: teoria da história: os fundamentos da ciência histórica. Brasília, DF: Editora da Universidade de Brasília, 2001.

SCHMIDT, M. A. M. S.; BARCA, I. Uma epistemologia da pesquisa em educação histórica: limites e possibilidades. In: SCHMIDT, M. A. M. S. et al. (org.). Passados possíveis: a educação histórica em debate. Ijuí: Ed. Unijuí, 2014. p. 21-39.

SCHMIDT, M. A. M. S. Cognição histórica situada: que aprendizagem histórica é esta? In: SCHMIDT, M. A. M. S.; BARCA, I. (org.). Aprender história: perspectivas da educação histórica. Ijuí: Ed. Unijuí, 2009b. p. 21-51.

SCHMIDT, M. A. M. S. Concepções de aprendizagem histórica presentes em propostas curriculares brasileiras. História Revista, v. 14, n. 1, p. 203-213, jan./jun. 2009a.

SCHMIDT, M. A. M. S.; GARCIA, T. M. F. B. A formação da consciência histórica de alunos e professores e o cotidiano em aulas de História. Caderno Cedes, v. 25, n. 67, p. 297-308, set./dez. 2005.

SUKOW, N. M. História local como um pressuposto epistemológico da didática da história: um estudo a partir da perspectiva da educação histórica. 2019. 210 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2019.

WAIGA, J. M. Educação histórica e ciências da educação: diálogos epistemológicos. 2018. 120 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2018.

Publicado
16-06-2020
Como Citar
GERMINARI, G. D.; URBAN, A. C. Educação histórica e a contribuição para a formação de professores: experiências de pesquisa. Roteiro, v. 45, p. 1-22, 16 jun. 2020.
Seção
Seção temática:Aprendizagem histórica e formação de professores: contribuições da pesquisa em educação histórica