A FORMAÇÃO INICIAL DOS PROFESSORES ALFABETIZADORES DAS ESCOLAS PÚBLICAS DE SANTA CATARINA

  • Leonete Luzia Schmidt Universidade do Sul de Santa Catarina
  • Maria da Graça Nobrega Bollmann Universidade do Sul de Santa Catarina
  • Camile Martineli Silveira Unisul

Resumo

Resumo: O artigo resulta de reflexões no âmbito da pesquisa realizada entre 2010 e 2014, vinculada ao Programa Observatório da Educação – Capes/Inep. Busca socializar o quadro referente à formação inicial dos professores alfabetizadores das escolas públicas de Santa Catarina, em exercício no ano 2013, utilizando-se de dados do Censo Escolar. Parte-se da compreensão de que a formação dos professores é mediada pelo contexto sociocultural no qual está inserida e se realiza em uma perspectiva dialética, em um processo no qual se articulam teoria e prática, tendo a pesquisa como base para essa formação. Os dados evidenciaram que no Estado de Santa Catarina a formação do professor alfabetizador apresenta fragilidades nessa perspectiva.

Palavras-chave: Política de formação de professores. Formação inicial de professores. Professores alfabetizadores.

 

LITERACY TEACHERS’ INITIAL TRAINING OF PUBLIC SCHOOLS IN SANTA CATARINA

Abstract: This article is the result of reflections within the survey conducted between 2010 and 2014, linked by the Education Centre Program – Capes/Inep. The research aims to socialize the current situation on the initial training of literacy teachers from public schools in Santa Catarina, who were working in 2013, using the School Census data. It starts with the understanding that the training of teachers is mediated by sociocultural context in which it is inserted and it operates and performs in a dialectical perspective, in a process that articulates theory and practice, and the research is the basis for such training. The data showed that in the State of Santa Catarina the formation of literacy teacher presents weaknesses in this perspective.

Keywords: Teacher education policy. Initial teacher training. Literacy teachers.

 LA FORMACIÓN INICIAL DE LOS PROFESORES ALFABETIZADORES DE LAS ESCUELAS PÚBLICAS DE SANTA CATARINA

Resumen: El artículo resulta de reflexiones en el ámbito de la investigación realizada entre 2010 y 2014, vinculada al Programa Observatório da Educação – Capes/Inep. Busca socializar el cuadro referente a la formación de los profesores alfabetizadores de las escuelas públicas de Santa Catarina, en ejercicio en el año de 2013, utilizándose de datos del Censo Escolar. Se parte de la comprensión de que la formación de los profesores es mediada por el contexto sociocultural en el cual está insertada y se realiza en una perspectiva dialéctica, en un proceso en que se articula teoría y práctica, teniendo la pesquisa como base para esa formación. Los datos han evidenciado que en el Estado de Santa Catarina la formación del profesor alfabetizador presenta fragilidades en esa perspectiva.

Palabras clave: Política de formación de profesores. Formación inicial de profesores. Profesores alfabetizadores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leonete Luzia Schmidt, Universidade do Sul de Santa Catarina
Doutora em Educação e professora doPrograma de Pós Graduação em Mestrado em Educação da Universidade do Sul de Santa Catarina.
Maria da Graça Nobrega Bollmann, Universidade do Sul de Santa Catarina
Doutora em Educação, professora do Programa de Pós Graduação em Educação
Camile Martineli Silveira, Unisul
Mestre em Educação
Publicado
04-10-2016
Como Citar
SCHMIDT, L. L.; NOBREGA BOLLMANN, M. DA G.; MARTINELI SILVEIRA, C. A FORMAÇÃO INICIAL DOS PROFESSORES ALFABETIZADORES DAS ESCOLAS PÚBLICAS DE SANTA CATARINA. Roteiro, v. 41, n. 3, p. 629-648, 4 out. 2016.