O conhecimento dos estudantes de Ciências Contábeis acerca do Código de Ética

Palavras-chave: Código de Ética Profissional do Contador., Ética Profissional., Contabilidade.

Resumo

O Código de Ética Profissional do Contador (CEPC) objetiva fixar a forma pela qual os contadores devem seguir no exercício da profissão e com relação à classe, e o conhecimento de seu teor é um dos componentes do Exame de Suficiência do Conselho Federal de Contabilidade. Esta pesquisa teve por objetivo principal verificar qual o nível de conhecimento dos estudantes do Curso de Ciências Contábeis da Universidade Federal de Santa Catarina, acerca do CEPC. A pesquisa quantitativa foi realizada por meio de um levantamento que se baseou em questões presentes nos Exames de Suficiência do Conselho Federal de Contabilidade. Participaram da pesquisa 101 estudantes matriculados na 2ª e na 4ª fases do Curso. Os resultados apontaram que a média de acertos de alunos que já cursaram a disciplina (Ética e Filosofia Política) é, estatisticamente, maior que de alunos que ainda não cursaram a disciplina. A mediana do número de acertos de alunos que já cursaram a disciplina é o dobro dos indicados por alunos que ainda não cursaram. Tais resultados sustentam a conclusão de que cursar a disciplina impacta, positivamente, o desempenho das questões sobre ética. No entanto, a análise do desempenho dos dois grupos, por questão, revelou que a proporção de acertos dos alunos que já cursaram a disciplina é, estatisticamente, maior dos que não cursaram em apenas 5 das 18 questões analisadas. Tais resultados, à luz do teor das questões em que houve melhora do desempenho, sustentam a conclusão que cursar a disciplina impacta, positivamente, o desempenho em um número restrito e pequeno de questões.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Karina Silveira da Cunha, Universidade Federal de Santa Catarina

Bacharela em Ciências Contábeis

Maria Denize Henrique Casagrande, Universidade Federal de Santa Catarina

Doutora em Engenharia de Produção - UFSC

Professora do Departamento de Ciências Con´tábeis - UFSC

Alan Diógenes Góis, Faculdade FIPECAFI

Doutor em Controladoria e Contabilidade pela FEA/USP
Professor do Mestrado Profissional em Controladoria e Finanças da Faculdade FIPECAFI
Pós-Doutorando em Administração de Empresas pela EAESP/FGV

Referências

Almeida, S. R. V., & Alves, F. J. S. (2015). Testando o Triângulo de Cressey no contexto da convergência às normas internacionais de contabilidade: Um estudo empírico sobre comportamento ético de profissionais de contabilidade. Revista de Administração da UFSM, 8(2), 282-297.

Brancher, C., Neu, M. A., & Boff, M. L. (2010). Ética profissional: Entendimento dos acadêmicos de Ciências Contábeis da Unoesc. Unoesc & Ciência—ACSA, 1(1), 31-38.

Bueno, C. V. (2017). Desenvolvimento das pesquisas sobre ética profissional contábil no Brasil e no exterior: Um estudo bibliométrico de 2010 a 2013. Revista Livre de Sustentabilidade e Empreendedorismo, 2(2), 4-27.

Camargo, M. (2009). Fundamentos de ética geral e profissional (8a ed.). Petrópolis: Vozes.

Campos, S. A. S. P., & Lima, M. (2013, outubro). Ética na Profissão Contábil: Um estudo sobre a percepção dos alunos sobre a contribuição da disciplina “Ética e legislação profissional” para a formação em Ciências Contábeis. Anais do Encontro de Produção Científica e Tecnológica, Campo Mourão, 8, 1-15.

Chen, C., Gotti, G., Kang, T., & Wolfe, M. C. (2018). Corporate Codes of Ethics, National Culture, and Earnings Discretion: International Evidence. Journal of Business Ethics, 151(1), 141-163.

Conselho Federal de Contabilidade. (1996). Resolução CFC 803. Aprova o Código de Ética Profissional do Contador—CEPC. Brasília, DF: CFC.

Conselho Federal de Contabilidade. (2011). Exame de Suficiência. Bacharel em Ciências Contábeis (1ª ed.). Brasília, DF: CFC. Recuperado de https://cfc.org.br/wp-content/uploads/2016/02/BACHAREL_I_2011.pdf

Cooper, D. R., & Schindler, P. S. (2016). Métodos de pesquisa em administração (12a ed.). Porto Alegre: AMGH.

Cressey, D. R., & Moore, C. A. (1983). Managerial values and corporate codes of ethics. California Management Review, 25(4), 53-77.

Diehl, C. A., Freitas, A. C., & Macagnan, C. B. (2011). A percepção sobre ética de estudantes de curso de graduação em Ciências Contábeis. Revista de Educação e Pesquisa em Contabilidade, 5(1), 21-49.

Feil, A. A., Diehl, L., & Schuck, R. J. (2017). Ética profissional e estudantes de contabilidade: Análise das variáveis intervenientes. Cadernos EBAPE.BR, 15(2), 256-273.

Ferreira, P. C., & Souza, M. A. (2014). Ética: Percepção sobre a ética dos alunos iniciantes e concluintes do curso de Ciências Contábeis do UNIBH. Convibra, 11.

Gil, A. C. S. (2016). Presença do tema ética nos projetos político/pedagógicos dos cursos da FACE/UFG (Trabalho de conclusão de curso). Recuperado de http://repositorio.bc.ufg.br

Lima, M. E. B., Prazeres, R. V. D., Araújo, J. G. N. D., & Araújo, J. G. D. (2014). Ética em Contabilidade: Um estudo sobre a percepção dos discentes acerca da ética profissional. Revista de Gestão e Contabilidade da UFPI, 1(2), 121-134.

Lisboa, L. P. (2010). Ética geral e profissional em contabilidade (2a ed.). São Paulo: Atlas.

Liu, X. (2016). Corruption culture and corporate misconduct. Journal of Financial Economics, 122(2), 307-327.

Mafra, E. J. S., Teixeira, A. A. S., Silva, L. S., Costa, L. M., & Costa, P. S. (2007). Análise do nível de conhecimento dos graduandos sobre o código de ética do contabilista: O caso dos alunos do Curso de Ciências Contábeis da Universidade Federal de Uberlândia. Anais do Congresso UFSC de Iniciação Científica em Contabilidade, Florianópolis, 1.

Malhotra, N. (2019). Pesquisa de Marketing: Uma Orientação Aplicada (7a ed.). Porto Alegre: Bookman.

Marçal, R. R., Matos, V. da S., Carvalho, T. F. M. de, & Carvalho, M. da S. (2019). Avaliações de desempenho no ensino contábil brasileiro: Uma análise comparativa entre IES diante do Exame de Suficiência do CFC. RACE, Revista de Administração, Contabilidade e Economia, 18(2), 363-384.

Medeiros, A. W., & Vieira, E. R. F. C. (2010). Percepção comparativa no âmbito da ética entre os alunos do Curso de Ciências Contábeis do 1º e 4º ano da FARN. Interface—Revista do Centro de Ciências Sociais Aplicadas, 7(1), 93-108.

Merchant, K. A., & White, L. F. (2017). Linking the Ethics and Management Control Literatures. Advances in Management Accounting, 28(1), 1-29.

Monteiro, J. E. R., Silva, G. I. S, Peter, M. G. A., & Machado, M. V. V. (2011, outubro). Ética e Contabilidade: Estudo bibliométrico das publicações dos anais do Enanpad na primeira década do século XXI. Anais do Seminários em Administração—SemeAd, São Paulo, SP, 14.

Moraes, M. C. C., Silva, A. M. C., & Carvalho, F. A. A. (2010). O comportamento dos futuros contabilistas perante diferentes dilemas éticos. Pensar Contábil, 12(48), 22-30.

Nascimento, C., Bezerra, T. L., Espejo, M. M. D. S. B., Pacheco, V., & Antonovz, T. (2010). O tema “ética” na percepção dos alunos de Graduação de Ciências Contábeis em universidades da região Sul do Brasil. Revista Contemporânea de Contabilidade, 7(14), 75-96.

Neu, D., Everett, J., & Rahaman, A. S. (2015). Preventing corruption within government procurement: Constructing the disciplined and ethical subject. Critical Perspectives on Accounting, 28, 49-61.

Nunes, R. R. B., Leite, T. R. T., & Souza, E. X. (2010, setembro). Ética contábil: A percepção dos alunos do Curso de Ciências Contábeis da Universidade Federal de Alagoas. Anais dos Seminários em Administração—SemeAd, São Paulo, SP, 13.

Oliveira, R. R., Jesus, V. P. M., Silva, E. V., Silva, U. E., & Nascimento, V. M. S. (2014, outubro). Percepção dos alunos de Ciências Contábeis de uma instituição de ensino superior do Rio de Janeiro sobre a disciplina Ética. Anais do Simpósio de Excelência em Gestão e Tecnologia, Resende, 11.

Rocha, L. F., Oliveira, E. P. S., Borges, S. S., & Sanchez, A. F. C. (2015, outubro). A percepção da ética por parte dos discentes de graduação que atuam na área contábil. Anais do Congresso Nacional de Administração e Contabilidade, Rio de Janeiro, RJ, 6.

Sá, A. L. (2010). Ética profissional (9a ed.). São Paulo: Atlas.

Sampieri, R. H., Collado, C. F., & Lucio, M. P. B. (2013). Metodologia de pesquisa (5a ed.). Porto Alegre: Penso.

Silva, K. A. (2014). Percepção a respeito da ética na profissão contábil: Um estudo com os concluintes do Curso de Ciências Contábeis da Universidade Estadual da Paraíba—UEPB (Trabalho de conclusão de curso). Recuperado de http://dspace.bc.uepb.edu.br/

Silva, W. A. C., Oliveira, M. C. S. M., Ramos, M. A., & Soares, S. F. (2010, novembro). A Importância e o Conhecimento sobre Ética: O olhar de discentes do Curso de Ciências Contábeis. Anais do Congresso Brasileiro de Custos, Belo Horizonte, 17.

Soltani, B. (2014). The anatomy of corporate fraud: A comparative analysis of high profile American and European corporate scandals. Journal of business ethics, 120(2), 251-274.

Timmons, J. F., & Garfias, F. (2015). Revealed corruption, taxation, and fiscal accountability: Evidence from Brazil. World Development, 70, 13-27.

Trentin, G. N. S., Domingues, M. J. C. S., & Castro, D. R. M. S. (2008, novembro). Percepção dos alunos de Ciências Contábeis sobre ética profissional. Anais do Congresso Brasileiro de Custos, Curitiba, PR, 15.

Publicado
14-09-2020
Como Citar
Cunha, K. S. da, Casagrande, M. D. H., Soares, S. V., & Góis, A. D. (2020). O conhecimento dos estudantes de Ciências Contábeis acerca do Código de Ética. RACE - Revista De Administração, Contabilidade E Economia, 19(3), 489-512. https://doi.org/10.18593/race.21319
Seção
Artigos teórico-empíricos