Grupos de convivência como suporte ao idoso na melhoria da saúde

  • Karla Pezavento Unoesc
  • Franciele Ribeiro Unoesc

Resumo

Este texto é fruto de observações para a disciplina de Estágio Básico III, do Curso de Psicologia da Universidade do Oeste de Santa Catarina; teve-se por objetivo refletir acerca das demandas sociais de um grupo de convivência de idosos do Município de Joaçaba, SC. A metodologia utilizada foi a descrição das atividades observadas em fichas de registro. As observações empíricas que embasam este estudo foram realizadas em três momentos distintos. Dessa forma, o que se evidenciou foi a importância dos grupos de convivência para a saúde física e emocional dos idosos de modo a promover a sua qualidade de vida.

Palavras-chave: Idosos. Grupos de convivência. Observações.

Referências

ALMEIDA, Edelves Alves de et al. Comparação da qualidade de vida entre idosos que participam e idosos que não participam de grupos de convivência na cidade de Itabira-MG. Revista Brasileira Geriatria e Gerontologia, Rio de Janeiro, v. 13, n. 3, p. 435-443, 2010.

BESSE, Mariela; OLIVEIRA, Luiz Carlos de; LEMOS, Cecílio Naira Dutra. A Equipe Multiprofissional em Gerontologia e a Produção do Cuidado: um estudo de caso. Revista Kairós Gerontologia, São Paulo, v. 17, n. 2, p. 205-222, jul. 2014.

DAWALIBI, Nathaly Wehbe et al. Envelhecimento e qualidade de vida: análise da produção científica da SciELO. Estudos de Psicologia, São Paulo, v. 30, n. 3, p. 393-403, jul./set. 2013.

FANTINATO, Marcelo. Métodos de Pesquisa. São Paulo: USP, 2015.

FERREIRA, Olívia Galvão Lucena et al. Significados atribuídos ao envelhecimento: idoso, velho e idoso ativo. Revista Psico-USF, v. 15, n. 3, p. 357-364, set./dez. 2010.

MENDES, Márcia et al. A situação social do idoso no Brasil: uma breve consideração. Revista Acta Paul Enfermagem, São Paulo, v. 18, n. 4, p. 422-426, fev. 2005.

PEDUZZI, Marina. Equipe multiprofissional de saúde: conceito e tipologia. Revista Saúde Pública, São Paulo, v. 35, n. 1, p. 103-109, fev. 2001.

WICHMANN, Francisca Maria Assmann et al. Grupos de convivência como suporte ao idoso na melhoria da saúde. Revista Brasileira Geriatria e Gerontologia, Rio de Janeiro, v. 16, n. 4, p. 821-832, 2013.

Publicado
14-11-2018
Como Citar
Pezavento, K., & Ribeiro, F. (2018). Grupos de convivência como suporte ao idoso na melhoria da saúde. Pesquisa Em Psicologia - Anais eletrônicos, 95-102. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/pp_ae/article/view/19151