Capacidade funcional e dependência nicotínica em fase pré-tratamento oncológico de pacientes com câncer de pulmão

  • Alessandra Tonello
  • Jaqueline Moreira Paz
  • Wan Rabuske
  • Mauricio Wunsch Rostirolla
  • Antuani Rafael Baptistella
  • Geovana Teo Zamprogna
  • Adarly Kroth
  • Chrystianne Barros Saretto

Resumo

O câncer de pulmão acomete principalmente pessoas acima de 60 anos e tem relação direta com o tabagismo, suas manifestações clínicas são associadas a fadiga e descondicionamento físico, gerando decréscimo da aptidão física. Neste estudo descrevem-se as condições de dependência nicotínica e capacidade funcional de pacientes com câncer de pulmão. É um estudo transversal-observacional desenvolvido em um hospital público, com pacientes com suspeita de câncer de pulmão e maiores de 18 anos. A amostra foi avaliada com o Questionário de Fagerström, Escala PS-ECOG, Escala de Katz, Índice de Karnofsky e com o Time Up and Go (TUG), previamente à intervenção oncológica. Foram avaliados 20 indivíduos de ambos os sexos, com suspeita de tumor pulmonar, idade média de 60,9 (+/-11,43) anos, 80% tabagistas e que fumavam em média 17,7 (+/-15,71) cigarros/dia. O Fagerström apontou que 15% tinham dependência nicotínica muito elevada, 20% elevada e 40% muito baixa; no PS-ECOG, 30% eram totalmente ativos e 50% estavam restritos a atividades extenuantes; no TUG, 35% tiveram desempenho normal, 50% baixo risco e 10% risco moderado de queda. Da amostra, 50% teve confirmação diagnóstica de câncer, sendo 90% destes, tabagistas. A quantidade diária de cigarros foi maior em homens (p<0,05), porém, homens e mulheres apresentaram capacidade funcional semelhante (p>0,05). Os dados apontam que o número de cigarros fumados por dia pode ser um fator determinante para o desenvolvimento de câncer. Possivelmente, nortear ações com base nesses achados, no intuito de prevenir doenças oncológicas, parece ser uma estratégia de racionalização de recursos em saúde.

Palavras-chave: Tabagismo. Aptidão física. Neoplasias pulmonares.

Referências

AFONSO, Max dos Santos et al. Déficits funcionais de idosos correlacionados a cada década de vidas. Revista Inspirar Movimento & Saúde, v. 6, n. 3, p. 34-36, 2013. Disponível em: <http://web.b.ebscohost.com/abstract?direct=true&profile=ehost&scope=site&authtype=crawler&jrnl=2175537X&AN=91999751&h=h46U%2baLboL%2biFRHPdFa0IW%2bH3SnF8%2fG9I%2b%2b%2bAghHSL52LBMtbwfPGFXI8X6rG3Lq4CEZuuikkdhVfvfx2XPN3A%3d%3d&crl=c&resultNs=AdminWebAuth&resultLocal=ErrCrlNotAuth&crlhashurl=login.aspx%3fdirect%3dtrue%26profile%3dehost%26scope%3dsite%26authtype%3dcrawler%26jrnl%3d2175537X%26AN%3d91999751>. Acesso em: 22 dez. 2017.

COLLINS, Jemima et al. The assessment and impact of sarcopenia in lung cancer: a systematic literature review. BMJ open, v. 4, i. 1, p. e003697, 2014. Disponível em: <http://bmjopen.bmj.com/content/4/1/e003697>. Acesso em: 18 dez. 2017.

GIBBONS, Don L.; BYERS, Lauren A.; KURIE, Jonathan M. Smoking, p53 mutation, and lung cancer. Molecular cancer research, v. 12, i. 1, p. 3-13, 2014. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3925633/>. Acesso em: 16 jan. 2018.

HALTY, Luis Suárez et al. Análise da utilização do Questionário de Tolerância de Fagerström (QTF) como instrumento de medida da dependência nicotínica. J Pneumol., v. 28, n. 4, p. 180-6, 2002. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-35862002000400002&lng=en>. Acesso em: 22 jan. 2018.

INSTITUTO NACIONAL DE CÂNCER JOSÉ ALENCAR GOMES DA SILVA. Incidência de câncer no Brasil, estimativa 2016. Rio de Janeiro, 2016. Disponível em: <http://www.inca.gov.br/estimativa/2016/index.asp?ID=2>. Acesso em: 08 nov. 2017.

KATZ, S. et al. Studies of illness in the aged. The index of ADL: a standardized measure of biological and psychosocial function. JAMA, v. 185, n. 12, p. 914-919, 1963. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/14044222>. Acesso em: 22 out. 2017.

MACHADO, Luciana et al. Evolução do status de performance, índice de massa corpórea e distância percorrida no teste de caminhada de seis minutos em pacientes com câncer de pulmão avançado submetidos à quimioterapia. Jornal Brasileiro de Pneumologia, v. 36, n. 5, p. 588-594, 2010. Disponível em: <http://jornaldepneumologia.com.br/detalhe_artigo.asp?id=1354>. Acesso em: 12 dez. 2017.

MORAES, Edgar Nunes de. Atenção à saúde do idoso: aspectos conceituais. In: MORAES, Edgar Nunes de. Atenção à saúde do idoso: aspectos conceituais. Organização. Pan-Americana da Saúde, 2012.

MORISHITA, S. Prevalence of sarcopenia in cancer patients: review and future directions. International Journal of Physical Medicine & Rehabilitation, v. 4, i. 3, p. 1-08,2016

OKEN, Martin M. et al. Toxicity and response criteria of the Eastern Cooperative Oncology Group. American journal of clinical oncology, v. 5, i. 6, p. 649-656, 1982. Disponível em: <https://journals.lww.com/amjclinicaloncology/Abstract/1982/12000/Toxicity_and_response_criteria_of_the_Eastern.14.aspx>. Acesso em: 22 dez. 2017.

OVERCASH, J. A.; RIVERA JUNIOR, H. R. Physical performance evaluation of older cancer patients: a preliminary study. Crit Rev Oncol Hematol., v. 68, i. 3, p. 233-241, 2008. Disponível em: doi: 10.1016/j.critrevonc.2008.07.00

PEREIRA, E. E. B.; SANTOS, N. B.; SARGES, E. S. N. F. Avaliação da capacidade funcional do paciente oncogeriátrico hospitalizado. Revista Pan Amazônica de Saúde, v. 5, n. 4, p. 37-44, 2014.

PODSIADLO, Diane; RICHARDSON, Sandra. The timed “Up & Go”: a test of basic functional mobility for frail elderly persons. Journal of the American geriatrics Society, v. 39, i. 2, p. 142-148, 1991. Disponível em: <http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1111/j.1532-5415.1991.tb01616.x/full>. Acesso em: 15 nov. 2017.

RIESENBERG, H.; LUBBE, A.S. In-patient rehabilitation of lung cancer patients-a prospective study. Support Care Cancer, v. 18, i. 7, p. 877-882, 2010. Disponível em: <https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/19714371>. Acesso em: 15 dez. 2017.

SEIXAS, Raquel Jeanty de; BASSO, Andréia Gumurski de Oliveira; MARX, Ângela Gonçalves. Exercício físico aeróbico e câncer de pulmão: um estudo de revisão. Rev. bras. cancerol, v. 58, n. 2, p. 267-275, 2012. Disponível em: <http://www1.inca.gov.br/rbc/n_58/v02/pdf/17_revisao_exercicio_fisico_aerobico_cancer_pulmao_estudo.pdf>. Acesso em: 12 jan. 2017.

TSUKAZAN, Maria Teresa Ruiz et al. Câncer de pulmão: mudanças na histologia, sexo e idade nos últimos 30 anos no Brasil. Jornal Brasileiro de Pneumologia, v. 43, n. 5, p. 363-367, 2017. Disponível em: <http://www.jornaldepneumologia.com.br/detalhe_artigo.asp?id=2693>. Acesso em 05 jan. 2018.

WOELLNER, Simone Suzuki; ARAUJO, Alisson Guimbala dos Santos; MARTINS, Juliandro Steidel. Protocolos de equilíbrio e quedas em idosos. Rev Neuroc., v. 10, n. 2, p. 104-17, 2014.

YATES, J. W.; CHALMER, B.; MCKEGNEY, F. P. Avaliação de pacientes com câncer avançado usando o status de desempenho de Karnofsky. Câncer, v. 45, pg. 2220-2224, 1980. Disponível em:<http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1002/1097-0142(19800415)45:8%3C2220::AID-CNCR2820450835%3E3.0.CO;2-Q/abstract>. Acesso em: 20 out. 2017.

Publicado
08-05-2018
Como Citar
Tonello, A., Paz, J. M., Rabuske, W., Rostirolla, M. W., Baptistella, A. R., Zamprogna, G. T., Kroth, A., & Saretto, C. B. (2018). Capacidade funcional e dependência nicotínica em fase pré-tratamento oncológico de pacientes com câncer de pulmão. Fisioterapia Em Ação - Anais eletrônicos, 31-40. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/fisioterapiaemacao/article/view/16937
Edição
Seção
Artigos