Avaliação do potencial de descoloração e de detoxificação de corantes têxteis por lacase de Pleurotus sajor-caju

  • Juliana Orzechowski Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.
  • Jamile Rosa Rampinelli Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.
  • Márcia Luciane Lange Silveira Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.
  • Mariane Bonatti-Chaves Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.
  • Sandra Aparecida Furlan Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.
Palavras-chave: Basidiomicetos, Caldo enzimático, Ecotoxicidade

Resumo

As águas residuárias são normalmente um empecilho ambiental para o desenvolvimento da indústria têxtil em razão do gerenciamento inadequado e/ou tratamento ineficaz, que levam à contaminação da biota. Efluentes de indústrias têxteis têm como uma de suas principais características a alta carga de corantes, os quais durante o processo produtivo não se aderiram à fibra e, assim, encontram-se presentes no efluente final. Estes, quando lançados no ambiente aquático, reduzem a disponibilidade de luz e a realização da fotossíntese e ocasionam outros problemas ambientais. Além disso, a maioria dos corantes têxteis são tóxicos, mesmo em pequenas concentrações. Enzimas produzidas por Pleurotus sajor-caju são reportadas como eficientes na remoção de cor, degradação de corantes e detoxificação de efluentes têxteis. Assim, neste trabalho teve-se como objetivo avaliar a capacidade do caldo enzimático bruto de Pleurotus sajor-caju em remover a cor e, concomitantemente, diminuir a toxicidade de soluções que contêm os corantes têxteis Red 50 e Blue 56 (100 mg L-1). Para tal, produziu-se o caldo enzimático em biorreator (volume útil de 4 L), que foi adicionado diretamente sobre a solução de corantes sem diluição, diluído em água (1:1) e diluído em solução ABTS (2,2’-azino-bis(3-etilbenzotiazolina-6-sulfônico)) (1:1). O microcrustáceo Daphnia magna foi utilizado nos testes ecotoxicológicos. Observou-se maior eficiência na remoção de cor pelo caldo enzimático bruto de P. sajor-caju diluído em solução ABTS (taxas de remoção 1,3 e 1,9x10-2 mg U-1 h-1, para os corantes Red 50 e Blue 56, respectivamente). A enzima lacase foi quantificada no caldo enzimático (115 U L-1) e manteve 100% de sua atividade durante todos os experimentos. Observou-se redução estatisticamente significativa da toxicidade para o corante Blue 56. O corante Red 50 manteve-se tóxico mesmo após o tratamento enzimático, sugerindo a necessidade de maior tempo de reação para esse corante. O caldo enzimático bruto de P. sajor-caju mostrou-se eficaz e de uso promissor em estações de tratamento de efluentes têxteis.

Palavras-chave: Basidiomicetos. Caldo enzimático. Ecotoxicidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Juliana Orzechowski, Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.
Graduada em Engenharia Química pela Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.
Jamile Rosa Rampinelli, Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.
Doutora em Engenharia Química e Mestre em Engenharia de Alimentos pela Universidade Federal de Santa Catarina; Professora da Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.
Márcia Luciane Lange Silveira, Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.
Doutora em Bioquímica pela Universidade Federal do Paraná e Mestre em Engenharia de Alimentos pela Universidade Federal de Santa Catarina; Professora da Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.
Mariane Bonatti-Chaves, Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.
Doutora e Mestre em Engenharia Química pela Universidade Federal de Santa Catarina; Professora da Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.
Sandra Aparecida Furlan, Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.
Doutora em Engenharia de Processos e Mestre em Engenharia Química pela Escola Superior de Engenharia Química do Instituto Nacional Politécnico de Tolouse, França; Professora da Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE.

Referências

Chhabra M, Mishra S, Sreekrishnan TR. Combination of chemical and enzymatic treatment for efficient decolorization/degradation of textile effluent: High operational stability of the continuous process. Biochem Eng J. 2015; 93:17-24. doi:10.1016/j.bej.2014.09.007

Holkar CR, Jadhav AJ, Pinjari DV, Mahamuni NM, Pandit AB. A critical review on textile wastewater treatments: Possible approaches. J Environ Manage. 2016; 182:351-66. doi:10.1016/j.jenvman.2016.07.090

Farias S, Mayer DA, Oliveira D, Souza SMAGU, Souza AAU. Free and Ca-alginate beads immobilized Horseradish peroxidase for the removal of reactive dyes: an experimental and modeling study. Appl Biochem Biotechnol. 2017; 184(4):1290-306. doi:10.1007/s12010-017-2399-2

Christie RM. Colour Chemistry. Cambridge: The Royal Society of Chemistry; 2015.

Singh RL, Singh PK, Singh RP. Enzymatic decolorization and degradation of azo dyes - A review. Int Biodeterior Biodegradation. 2015; 104:21-31. doi:10.1016/j.ibiod.2015.04.027

Silva LAS, Oliveira JM, Duarte EAA, Barreto NSE, Cazetta ML. Descoloração do corante Azul Brilhante de Remazol R por leveduras isoladas de moluscos do Rio Subaé, no estado da Bahia, Brasil. Eng. Sanit Ambient. 2017; 22(6):1065-74. doi: 10.1590/s1413-41522017157568

Das A, Bhattacharya S, Panchanan G, Navya BS, Nambiar P. Production, characterization and congo red dye decolourizing efficiency of a laccase from Pleurotus ostreatus MTCC 142 cultivated on co-substrates of paddy straw and corn husk. Genet Eng Biotechnol J. 2016; 14:28188. doi:10.1016/j.jgeb.2016.09.007

Sen SK, Raut S, Bandyopadhyay P, Raut S. Fungal decolouration and degradation of azo dyes: A review. Fungal Biol. Rev. 2016; 30:112-33. doi:10.1016/j.fbr.2016.06.003

Zhang H, Zhang S, He F, Qin X, Zhang X, Yang Y. Characterization of a manganese peroxidase from white-rot fungus Trametes sp.48424 with strong ability of degrading different types of dyes and polycyclic aromatic hydrocarbons. J Hazard Mater. 2016; 320:265-77. doi:10.1016/j.jhazmat.2016.07.065

Ergun SO, Urek RO. Production of ligninolytic enzymes by solid state fermentation using Pleurotus ostreatus. Ann Agrar Sci. 2017; 15(2):273-7. doi:10.1016/j.aasci.2017.04.003

Erkurt HA. Biodegradation and detoxification of BPA: Involving laccase and a mediator. Clean – Soil, Air, Water. 2015; 43(6):932-9. doi:10.1002/clen.201400628

Palmieri G, Cennamo G, Sannia G. Remazol Brilliant Blue R decolourisation by the fungus Pleurotus ostreatus and its oxidative enzymatic system. Enzyme Microb Technol. 2005; 36(1):17-24. doi:10.106/j.enzmictec.2004.03.026

Ballaminut, N. Caracterização do processo de descoloração de corante reativo diazo por basidiomicetos tropicais [dissertação] [internet]. São Paulo: Universidade de São Paulo; 2016. [acesso em 2017 ago 15]. Disponível em: www.teses.usp.br/teses/disponiveis/87/.../NaraBallaminut_Corrigida_Doutorado_P.pdf

Majeau J-A, Brar SK, Tyagi RD. Laccases for removal of recalcitrant and emerging pollutants. Bioresour. Technol. 2010; 101:2331-50. doi:10.1016/j.biortech.2009.10.087

Ottoni CA, Santos C, Kozakiewicz Z, Lima N. White-rot fungi capable of decolourising textile dyes under alcaline conditions. Folia Microbiol. 2013; 58(3):187-93. doi:10.1007/s12223-012-0196-4

Pohl, J. M. Avaliação do potencial de descoloração de enzimas produzidas em cultivo submerso por Pleurotus sajor-caju [trabalho de conclusão de curso]. Joinville: Universidade da Região de Joinville, 2013.

Kroetz, M. Avaliação da capacidade de descoloração de corantes têxteis por diferentes enzimas produzidas por Pleurotus sajor-caju [trabalho de conclusão de curso] Joinville:Universidade da Região de Joinville, 2012.

Associação Brasileira de Normas Técnicas. Norma Brasileira n.o 12713, de 19 de dezembro de 2009, institui metodologia sobre Ecotoxicologia aquática – Toxicidade aguda – Método de ensaio com Daphnia ssp (crustácea, Cladocera). Diário Oficial da União, Rio de Janeiro; 2016.

Conselho Nacional do Meio Ambiente. Resolução nº 357, de 17 de março de 2005. Diário Oficial da União, Brasília, DF; 2005.

Furlan SA, Virmond LJ, Miers D, Bonatti M, Gern RMM, Jonas R. Mushroom strains able to grow at high temperatures and low pH values. World J Microbiol Biotechnol. 1997; 13:689-92. doi:10.1023/A:1018579123385

Rampinelli JR. Utilização de casca de banana para a produção de lacase por Pleurotus sajor-caju CCB 019 [tese] [internet]. Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina; 2016 [acesso em 2017 ago 10]. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/174150

Furlan SA, Gern RMM, Wisbeck E, Bonatti M, Silveira MLL, Silva HH. Possibilities of Pleurotus applications in food, health and environmental technologies. In Koutinas A, Pandey A, Larroche C, organizadores. Current topics on Bioprocesses in Food Industry. Nova Delhi: Asiatech; 2008. p. 482-495.

Buswell JA, Ca Y, Chang S. Effect of nutrient nitrogen and manganese on manganese peroxidase and laccase production by Lentinula (Lentinus) edodes. FEMS Microbiol Immunol. 1995; 128(1):81-7. doi:10.1111/j.1574-6968.1995.tb07504.x

International Organization for Standardization. Water quality - Determination of the inhibition of the mobility of Daphnia magna Straus (Cladocera, Crustacea) - Acute toxicity test. Genebra; 1996.

Rorabacher DB. Statistical treatment for rejection of deviant values: critical values of Dixon’s “Q” parameter and related subrange ratios at the 95% confidence level. Anal. Chem. 1991; 63:139-46. doi:10.1021/ac00002a010

Brown TL. Química a ciência central. São Paulo: Pearson; 2005.

Wikimedia Commons contributors. File: Colorwheel wavelengths.png [Internet] 2016 [acesso em 2017 ago 10]. Disponível em: https://commons.wikimedia.org/w/index.php?title=File:Colorwheel _wavelengths. png&oldid=218406737

Li X, et al. Mechanisms of Cd and Cr removal and tolerance by macrofungus Pleurotus ostreatus HAU-2. J Hazard Mater. 2017; 330:1-8. doi:10.1016/j.jhazmat.2017.01.047

Wirasnita R, Hadibarata T. Potential of the white-rot fungus Pleurotus pulmonarius F043 for degradation and transformation of fluoranthene. Pedosphere. 2016; 26(1):49-54. doi:10.1016/S1002-0160(15)60021-2

Chang B-V, Chang Y-M. Biodegradation of toxic chemicals by Pleurotus eryngii in submerged fermentation and solid-state fermentation. J Microbiol Immunol Infect. 2016; 49:175-81. doi:10.1016/j.jmii.2014.04.012

Teixeira RSS, Pereira PM, Ferreira-Leitão VS. Extraction and application of laccases from shimeji mushrooms (Pleurotus ostreatus) residues in decolourisation of reactive dyes and a comparative study using commercial laccase from Aspergillus oryzae. Enzyme Res. 2010; 1-8. doi:10.4061/2010/905896

Rosolen LA, Monteiro RTR, Dellamatrice PM, Kamida HM. Biodegradação de efluente têxtil e nove corantes técnicos utilizando fungos basidiomicetos. Quím. Têxt. 2004; 76:44-52.

Batistela DM. Estudo da atividade e estabilidade de lacases em líquidos iônicos [tese] [Internet]. São Paulo: Universidade de São Paulo; 2011. [acesso em 2017 ago 10]. Disponível em: www.teses.usp.br/teses/...26052011.../VersaoCorrigidaDissertDanielaMoraesBatistela.pdf

Dâassi D, Prieto A, Zouari-Mechichi H, Martínez MJ, Nasri M, Mechichi T. Degradation of bisphenol A by different fungal laccases and identification of its degradation product. Int. Biodeterioration Biodegrad. 2016; 110:181-8. doi:10.1016/j.ibiod.2016.03.017

Hou H, Zhou J, Wang J, Du C, Yan B. Enhancement of laccase production by Pleurotus ostreatus and its use for the decolorization of anthraquinone dye. Process Biochem. 2004; 39:1415-9. doi:10.1016/S0032-9592(03)00267-X

Dellamatrice PM, Monteiro RTR, Kamida HM, Nogueira NL, Rossi ML, Blaise C. Decolourization of municipal effluent and sludge by Pleurotus sajor-caju and Pleurotus ostreatus. World J Microbiol Biotechnol. 2005; 21(8-9):1363-9. doi:10.1007/s11274-005-5143-y

Lima AWO, Angnes L. Biocatálise em meios aquo-restritos: fundamentos e aplicações em química analítica. Quím. Nova. 1999; 22(2): doi:10.1590/S0100-40421999000200015

Ribeiro APA. Efeito de fungos basidiomicetos na descoloração e fitotoxicidade de corante sintético e efluente têxtil [tese] [Internet]. Lavras: Universidade Federal de Lavras; 2013. [acesso em 2017 ago 10]. Disponível em: http://repositorio.ufla.br/bitstream/1/961/2/DISSERTA%C3%87%C3%83O_Efeito%20de%20fungos%20basidiomicetos%20na%20descolora%C3%A7%C3%A3o%20e%20fitotoxicidade%20de%20corante%20sint%C3%A9tico%20e%20efluente%20t%C3%AAxtil.pdf

Singh AD, Vikineswary S, Abdullah N, Sekaran M. Enzymes from spent mushroom substrate of Pleurotus sajor-caju for the decolourisation and detoxification of textile dyes. World J Microbiol Biotechnol. 2011; 27:535-45. doi:10.1007/s11274-010-0487-3

Publicado
28-06-2018
Como Citar
Orzechowski, J., Rampinelli, J. R., Silveira, M. L. L., Bonatti-Chaves, M., & Furlan, S. A. (2018). Avaliação do potencial de descoloração e de detoxificação de corantes têxteis por lacase de Pleurotus sajor-caju. Evidência, 18(1), 59-80. https://doi.org/10.18593/eba.v18i1.16443