Surfactina: estrutura, aplicações e fatores envolvidos em sua produção

  • Mariana Munhoz Larini Universidade Estadual de Londrina
  • Maria Inês Rezende Universidade Estadual de Londrina
  • Mara Lúcia Luiz Ribeiro Universidade Estadual de Londrina
  • Fabiana Guillen Moreira Gasparin Universidade Estadual de Londrina

Resumo

A surfactina é um lipopeptídeo da classe dos biossurfactantes, mais comumente produzida por Bacillus subtilis, uma bactéria Gram-positiva. A estrutura química da surfactina é composta por peptídeo ligado aos grupos carboxil e hidrocarboxil de ácidos graxos de cadeia longa. A produção de surfactina pode ser influenciada pela linhagem, inóculo e idade do microrganismo, além de fatores físicos como temperatura, pH, velocidade de agitação, grau de aeração, formação de espuma e concentração de oxigênio dissolvido e fatores nutricionais, como fontes de carbono, nitrogênio e elementos-traço nos meios de cultivo. As potenciais áreas de aplicação desse biossurfactante são terapêuticas e ambientais. Neste trabalho tem-se como objetivo abordar aspectos estruturais, fatores envolvidos na produção por microrganismos e as áreas de aplicação da surfactina.

 Palavras-chave: Aplicações. Estrutura. Microrganismos. Produção. Surfactina.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
19-12-2017
Como Citar
Larini, M. M., Rezende, M. I., Ribeiro, M. L. L., & Moreira Gasparin, F. G. (2017). Surfactina: estrutura, aplicações e fatores envolvidos em sua produção. Evidência, 17(2), 105-118. https://doi.org/10.18593/eba.v17i2.15220