LUTAS POR RECONHECIMENTO, ESFERA PÚBLICA E DIREITOS FUNDAMENTAIS: UMA REFLEXÃO SOBRE PERSPECTIVA DE JÜRGEN HABERMAS / FIGHTS FOR RECOGNITION, PUBLIC SPHERE AND FUNDAMENTAL RIGHTS: A REFLEXION ABOUT JÜRGEN HABERMAS

Autores

  • Maria Eugenia Bunchaft UNISINOS - UNIVERSIDADE DO VALE DO RIO DOS SINOS
  • Rosmar Rissi Mestrando em Direito pelo PPG em direito da unisinos

Resumo

Jürgen Habermas desenvolveu um modelo procedimental de democracia que se situa entre duas tradições teóricas: republicanismo e liberalismo. Em Strukturwandel der Öffentlichkeit, Habermas enfatiza a evolução histórica da categoria esfera pública e suas mudanças estruturais. As transformações fundamentais no instrumental teórico relativo à concepção de esfera pública na obra habermasiana surgem no prefácio de 1990 à Strukturwandel der Öffentlichkeit, mas seu papel mais ativo, decorrente de um modelo de eclusas, é ampliado em Faktizität und Geltung. A concepção não é mais um modelo de sitiamento, estabelecido em Theorie des kommunikativen Handelns, mas um processo de autodemocratização interno do sistema. A conexão entre princípio do discurso e forma jurídica irá inspirar a gênese lógica do sistema de direitos, concretizando a cooriginariedade entre as autonomias pública e privada. Habermas estabelece cinco grupos de direitos fundamentais que decorrem do engajamento discursivo dos cidadãos. Propuganou-se sustentar, com base na ideia de cooriginariedade entre direitos fundamentais e soberania popular, que os liames identitários não devem ser essencializados, mas sujeitos à revisão pública. Por meio da análise do caso de Shah Bano, pretendeu-se demonstrar a relevância do modelo deliberativo de esfera pública como parâmetro capaz de se contrapor a políticas estreitas de autenticidade de grupo. Outrossim, defendeu-se que o modelo deliberativo de esfera pública – efetivado por um modelo de eclusas – e a ideia de cooriginariedade entre direitos fundamentais e soberania popular revelam potencialidade em combater formas opressivas de comunitarismo.

Palavras-chave: Habermas. Reconhecimento. Direitos fundamentais. Esfera pública.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Eugenia Bunchaft, UNISINOS - UNIVERSIDADE DO VALE DO RIO DOS SINOS

Professora do PPG em Direito  da Unisinos. Pós-doutora em Filosofia pela uFSC. Doutora e Mestre em Direito pela PUC-Rio

Rosmar Rissi, Mestrando em Direito pelo PPG em direito da unisinos

Mestrando em Direito pelo Programa de Pós-graduação em Direito da Unisinos. Advogado.

Referências

FLEMING, Marie. Emancipation and Illusion. Rationality and Gender in Habermas’s Theory of Modernity. Philadelphia: Pennsylvania State University Press, 1997.

FRASER, Nancy. What’s Critical about Critical Theory? In: Unruly Practices: Power, Discourse and Gender in Contemporary Social Theory. Minneapolis: University of Minnesota Press, 1989.

HABERMAS, Jürgen. Strukturwandel der Öffentlichkeit. Berlin / Neuwied: Luchterhand, 1962.

HABERMAS, Jürgen. Theorie und Práxis: Sozialphilosophische Studien. Berlin / Neuwied: Luchterhand, 1963.

HABERMAS, Jürgen. Technik und Wissenschaft als Ideologie. Frankfurt: Suhrkamp, 1968.

HABERMAS, Jürgen. Technik und Wissenschaft als Ideologie. Frankfurt: Suhrkamp, 1971.

HABERMAS, Jürgen. Legitimationsproblem im Spätkapitalismus. Frankfurt: Suhrkamp, 1973.

HABERMAS, Jürgen. Theorie des kommunikativen Handelns. Frankfurt: Suhrkamp, 1981.

HABERMAS, Jürgen. Strukturwandel der Öffentlichkeit. Frankfurt: Suhrkamp, 1990 (Vorwort zur Neuauflage).

HABERMAS, Jürgen. Faktizität und Geltung. Frankfurt: Suhrkamp, 1992.

ÍNDIA, Suprema Corte. Apelação Penal. Mohd Ahmed Khan v. Shah Bano Begum. 1985 SCR (3) 844. Opinião Majoritária: Chandrachud. Decidido em 3 de Abril de 1985.

LUBENOW, Jorge Adriano. A Despolitização da esfera pública em Jürgen Habermas sob a perspectiva sócio-política. Problemata, vol. 3, n. 1, 2012, p. 54-95.

LUBENOW, Jorge Adriano. A Categoria de Esfera Pública em Jürgen Habermas. Tese de Doutorado. Departamento de Filosofia do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Universidade Estadual de Campinas, 2007.

Downloads

Publicado

2014-06-25

Como Citar

Bunchaft, M. E., & Rissi, R. (2014). LUTAS POR RECONHECIMENTO, ESFERA PÚBLICA E DIREITOS FUNDAMENTAIS: UMA REFLEXÃO SOBRE PERSPECTIVA DE JÜRGEN HABERMAS / FIGHTS FOR RECOGNITION, PUBLIC SPHERE AND FUNDAMENTAL RIGHTS: A REFLEXION ABOUT JÜRGEN HABERMAS. Espaço Jurídico Journal of Law [EJJL], 15(2), 463–480. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/espacojuridico/article/view/4549